Transferências

Esta rotina tem por objetivo efetuar transferências individuais de funcionários entre empresas, filiais, centros de custo e matrícula.

Help_buttonImportante:

Para que o controle das transferências seja efetuado corretamente, o arquivo de transferências (SRE) deve estar no modo de acesso compartilhado entre filiais e também entre empresas, ou seja, deverá ser configurado no SX2 para modo de acesso compartilhado e, além disso, se existir mais de uma empresa, o mesmo arquivo deve ser indicado para ambas as empresas.

A cada transferência efetuada de: Empresa, Filial, Processo, Posto, Departamento, Centro de Custo, Item Contábil e/ou Classe de valor são gerados registros no arquivo SRE – Transferências.

O Sistema disponibiliza os seguintes tipos de transferências:

Transferências entre Empresas/Filiais: Neste tipo de transferência, toda movimentação do funcionário permanece na Empresa/Filial de origem e será feita uma inclusão do funcionário na Empresa/Filial destino.
Transferências entre Centro de Custo: O Sistema utiliza o mesmo registro do Cadastro de Funcionários (origem) para o funcionário destino, efetuando apenas a troca do centro de custo.
Transferências entre Matrículas: Este tipo de transferência permite apenas no mês de admissão do funcionário, e enquanto não houver movimentação acumulada. Além disso, será permitido apenas quando não foi efetuado outro tipo de transferência ou movimentação do funcionário.

 

Transferência de Funcionários por Departamentos: Permite a transferência de um funcionário ou de vários funcionários de uma vez (em lote), por Departamento ou Centro de Custo.

 

 

Ao final de cada transferência, um histórico desta movimentação é gerado no Arquivo de Transferências. A partir deste histórico, procedem os devidos tratamentos nas rotinas: CAGED*, PROVISÃO DE FÉRIAS/13º., RAIS*, DIRF* etc.

O sistema permite integração entre os ambientes Gestão de Pessoal e Controle de Qualidade (Quality), de forma a transportar os dados de transferência para os ambientes do Quality.

Assim como na contabilização padrão, o parâmetro MV_ITMCLVL é verificado na transferência de funcionários, a fim de executar a contabilização por Centro de Custo (se conteúdo igual a 2 - Não), ou por Item Contábil e Classe de Valor (se definido como 1 - Sim) que, neste caso, habilita os campos Item Contábil e Classe Valor no momento da transferência.

Para mais informações, consulte o tópico Contabilização da Folha.

O Sistema disponibiliza a opção de seleção do ID de Transferência para efetuar transferência de mais de um funcionário, isto permite ao usuário transferir os mesmos funcionários de uma transferência efetuada anteriormente para outro destino ou até mesmo para retornar para a mesma, no caso de ter efetuado uma transferência incorretamente.

Com essa opção não será necessário selecionar manualmente todos os funcionários que deseja transferir, basta selecionar um ID de Transferência que todos os funcionários daquele ID serão selecionados automaticamente.

Antes de efetuar uma transferência o cliente pode optar por agregar campos do cadastro do funcionário para que sejam alterados no momento da transferência. Esta funcionalidade trata-se de um facilitador para que o cliente não precise acessar o cadastro de funcionários para alterar informações cadastrais que serão modificadas com a transferência.

Procedimentos

Para efetuar a transferência:

1.Em Transferências, selecione o funcionário que será transferido.
2.Clique na opção Manutenção.
3.Preencha os dados conforme a orientação do help de campo.

Os campos estão dispostos em dois grupos:

Origem

São os dados atuais  do funcionário. Por isso não é possível alterá-los.

Destino

Deve-se informar os novos dados que o funcionário terá após a transferência.

Help_buttonDica:

Quando o objetivo for a simples alteração do número de matrícula do funcionário, os códigos da filial e centro de custo Destino devem ser os mesmos da Origem, modificando-se apenas a matrícula.
Quando o objetivo for somente transferência entre Centro de Custo, o número da matrícula de destino deve ser o mesmo da matrícula de origem.
O arquivo de transferência deve ter seu modo de acesso como compartilhado e quando houver transferências entre empresas, o arquivo SRE deve ser compartilhado entre empresas.
3.Confira os dados e confirme.
4.No menu está disponível a opção Em lote, para que sejam formados lotes de funcionários para transferência.

 

* = Apenas para o Brasil

 

Para efetuar a transferência de um ID de Transferência:

1. Na tela de seleção de funcionários, em Ações Relacionadas, selecione Selec. ID Transf.

   Será apresentada uma tela com todos os IDs de transferências que já foram efetuadas, sendo permitida a seleção de apenas um ID de transferência.

2. Para confirmar a seleção do ID de transferência, selecione a opção Confirmar ou selecione Finalizar para cancelar o processo.

3. Na tela de transferência, opção Transferir, é possível consultar as alterações que serão efetuadas com transferência, selecione a opção Logs em Ações Relacionadas e será apresentada uma listagem com as informações que serão modificadas. Desta forma, pode-se verificar todas as transferências efetuadas antes da sua efetivação.

4. Após a confirmação da transferência do funcionário, o Sistema apresenta uma mensagem: Confirma a transferência do(s) funcionário(s) selecionado(s)?.

 

Help_buttonDica:

O parâmetro MV_ARQTRAN indica quais arquivos externos à folha de pagamento devem fazer parte da transferência do funcionário, os arquivos devem conter FILIAL e MATRÍCULA.

 

Veja Também:

Integração TSA