Biblioteca

Leia em 10 minutos

Agricultura digital como forte aliada para a boa gestão no campo

13/07/17 - por Equipe TOTVS
Esse conteúdo ajudou você 0 profissionais
compartilhe:
A expansão tecnológica é uma importante aliada para atender exigências cada vez mais rigorosas sobre a preservação do meio ambiente e sustentabilidade da economia. Recursos de mobilidade e geolocalização ajudam, por exemplo, a combater pragas e a otimizar processos de irrigação. Um trabalhador equipado com um smartphone pode localizar uma planta doente na lavoura, fotografar o espécime, gravar uma mensagem de voz com observações e enviar para o sistema central que armazena os dados no ERP e dá início imediato à ação de combate.

Um outro cenário bastante comum no setor é o planejamento de uma pulverização de defensivos agrícolas para, digamos, quarta-feira, confiando na previsão climática. Se o tempo mudar, o produtor pode replanejar, a partir de uma notificação do sistema, deslocando a pulverização para outra área e otimizar tempo e recursos, como a água e combustível.

Outra demanda importante do agronegócio é a rastreabilidade da produção. Saber a origem de cada fruta, cada peça de carne, cada saca de soja, é fundamental para vencer as barreiras fitossanitárias do comércio internacional. Hoje, as uvas produzidas no sertão nordestino são exportadas para a França, e o supermercado em Paris sabe exatamente de onde veio cada lote vendido em suas gôndolas. Naturalmente, cada mercado tem uma preocupação diferente. “Na Europa, os compradores querem saber se a cadeia produtiva teve trabalho escravo, se os animais foram bem tratados, se as condições de higiene foram cumpridas”, diz Girardi.

No presente, soluções como o GoodData, da TOTVS, já são uma realidade no mercado e estão se sofisticando para atuar de forma cada vez mais orientada a conceder respostas aos problemas e padrões identificados por seus algoritmos. A boa notícia é que elas não se destinam apenas aos grandes produtores, são acessíveis aos médios e pequenos agricultores. Com elas, a resposta do produtor rural fica mais rápida e eficiente.

O diretor do segmento de Agroindústria da TOTVS, Fábio Girardi, fala um pouco mais sobre agricultura digital ao AgroPapo. Confira abaixo:

Documento

Download PDF Imprimir

Esse conteúdo ajudou você

Sim Não

Cenário favorável para a indústria sucroalcooleira

Oito tendências de tecnologia e negócios para 2017