Biblioteca

Leia em 10 minutos

Marketing Digital: 5 dicas para o pequeno comércio

30/01/18 - por Equipe TOTVS
Esse conteúdo ajudou 0 profissionais
compartilhe:

Se você nunca pensou em investir em Marketing Digital para alavancar as vendas da sua loja, está na hora de rever os seus conceitos. Segundo dados da Conferência das Nações Unidas sobre o Comércio e Desenvolvimento, o país é o quarto maior do mundo em número de usuários de internet, com 120 milhões de pessoas conectadas à rede. Desse total, 103 milhões acessam redes sociais e passam em média mais de cinco horas por dia ligados a plataformas como o Twitter e o Facebook.

 

Renunciar a essa ferramenta é, portanto, abrir mão de todo esse potencial. Com um baixo investimento, o Marketing Digital tornou-se indispensável para negócios de todo tipo, e um excelente aliado do pequeno comércio.

 

Dica 1 – Impacto on-line nas lojas físicas

Na prática, mesmo que você não tenha uma operação de e-commerce, sua marca precisa ser reconhecida on-line. De acordo com dados da agência de comunicação digital F-Biz, 95% dos clientes pesquisam on-line para escolher os produtos antes de ir à loja física.

 

Mas se você já vende seus produtos on-line, melhor ainda. Levantamentos feitos por grandes redes de varejo americanas como a Macy’s mostram que clientes que acessam as lojas por diferentes meios como site, aplicativo e loja física compram oito vezes mais.

 

Dica 2 – Como o cliente chega até o seu produto

 Entender isso é fundamental para que o Marketing Digital seja efetivo. Se você vende material esportivo ou móveis para escritório, precisa saber que palavras as pessoas usam quando pesquisam sobre essas categorias de produto e os diferentes itens que você oferece. Isso é determinante para sua estratégia de links patrocinados no Google. Use o Google Trends para saber quais os termos mais buscados. Lembre-se que o site de buscas é como um grande supermercado. Se a cliente pesquisa “biquínis” e sua loja de moda praia não aparece no site, é como se ela passasse na gôndola e não encontrasse o seu produto.

 

Dica 3 – Redes sociais são mais do que vendas

 Redes sociais são um canal de relacionamento. Usá-las apenas para vender produtos é – na grande maioria das vezes – contraprodutivo. A venda agressiva dá ao consumidor nas redes sociais a sensação de que a relação com a loja é de mão única. Por isso, as ofertas devem ser dosadas com conteúdos de interesse do seu público, e também como um canal de comunicação e interação, para que você se aproxime dos clientes, ouça suas sugestões, resolva seus problemas, converse, faça levantamentos de opinião e satisfação, crie engajamento. Esse sentimento é que vai aproximá-los da sua loja, da sua marca e mantê-los fiéis a seu negócio. É isso que vai abrir espaço para contatos mais pessoais e até mesmo a criação de ofertas especialmente desenhadas de acordo com o perfil de cada cliente.

 

Dica 4 – Use o tráfego da loja física para estimular seu público a se conectar com você nas redes sociais

 Se sua loja está dando os primeiros passos no Marketing Digital, seus atuais clientes podem ser seus primeiros seguidores nas redes. Use recursos de comunicação visual na loja para divulgar sua presença nas redes sociais. Você pode usar um QR Code para que o cliente leia o código com o smartphone e chegue à sua página.

 

Dica 5 – Qual a melhor rede

 Dados de audiência coletados pela F-Biz indicam que o YouTube e o Facebook, com respectivamente 82% e 80% de penetração entre os usuários de internet, são as principais mídias digitais do Brasil. No entanto, o volume de audiência não é a única coisa que importa. O mais importante é descobrir quais plataformas seu público-alvo mais usa e quais oferecem as melhores condições para atraí-lo para sua loja. Se você vende produtos de pesca, a criação de um canal de vídeos com tutoriais no YouTube pode ser uma boa opção, por exemplo.

 

Em resumo, estude seu público e as alternativas de mídia digital. Experimente. O investimento nas plataformas digitais não exige grande volume de recursos, e pode ser feito pouco a pouco. Desse modo, sua loja pode entender os melhores canais e formatos para desenvolver sua própria estratégia de Marketing Digital.

Documento

Download PDF Imprimir

Esse conteúdo ajudou

Sim Não