pick and go

Pick and Go: Conheça essa inovação para o segmento varejista

Equipe TOTVS | VAREJO | novembro 19, 2019

A experiência oferecida pelo conceito disruptivo do pick and go valoriza uma ideia de compra diferente. Nessa modalidade, o cliente pode escolher um produto na loja e fazer a leitura do código de barras pelo celular. A partir daí, ele obtém diversas informações sobre o produto, que não se limitam somente ao preço.

É possível conferir avaliações e resenhas de outros clientes que já compraram aquele produto, comparar o valor na loja virtual e na loja física, saber especificações técnicas do item, manual de uso, etc. As aplicações do pick and go são muito interessantes. Saiba mais a seguir!

Como funciona a tecnologia pick and go?

Já imaginou escolher um produto, colocá-lo no carrinho, fazer o pagamento pelo celular e fechar toda a jornada de compra de forma autônoma, sem ser abordado por um vendedor? Essa é uma das inovações tecnológicas que vêm mudando as estruturas do varejo.

O sistema pick and go funciona através de um scanner instalado no smartphone por meio do aplicativo. Seu cliente passa o código de barras de cada produto da sua lista e o coloca no carrinho.

Ao fechar a compra, com todos os itens atualizados no app, basta fazer o pagamento dentro da própria plataforma, utilizando o cartão de crédito. Vale lembrar que todo esse processo decorre em questão de minutos, sem a dor de cabeça de enfrentar filas enormes.

Por que pensar em implementar o formato de compras pick and go?

A experiência digital provoca mudanças no comportamento do consumidor em grande velocidade. Os varejos que atuam com e-commerce conseguem acompanhar essas mudanças com mais consciência a partir do cruzamento e análise de dados.

Essa visão pede ferramentas que atendam às novas necessidades. Muitas oportunidades podem ser identificadas dentro do e-commerce, como tendências e monitoramento de comportamentos. Separar suas operações em comércio físico e eletrônico é um passo atrás nos novos rumos do varejo. A ideia é integrar todos os canais.

Para as empresas, o objetivo desse serviço omnichannel é melhorar a experiência do consumidor e proporcionar uma jornada de compra mais ágil e prática. Outro objetivo é reduzir em mais da metade o tempo médio gasto nas filas, fator decisivo em desistências de compras.

O modo de consumir do cliente pick and go

Por estar muito mais mergulhado no mundo digital, o cliente sente uma vontade maior de interagir com o consumo. Antes, ele era atraído apenas por anúncios e propagandas tradicionais; hoje, deseja saber o que outras pessoas acham de determinado produto antes de comprá-lo.

Um dos fatores que mais tem apelo na escolha do público, depois do preço, é a opinião de outro consumidor sobre aquele item. Ao ir à loja física, no entanto, o cliente não encontra essa possibilidade. Aderindo à experiência pick and go, ele pode ter acesso a esses comentários em tempo real, na palma da mão.

Outro ponto animador é que esses recursos tecnológicos têm se tornado cada vez mais acessíveis, pois há uma multiplicação das soluções que permitem entender o consumidor para, assim, oferecer o melhor atendimento e antecipar suas exigências.

Quais são as outras inovações tecnológicas para o varejo?

Agora que você já compreendeu o conceito pick and go, deve estar se perguntando quais são as soluções complementares a essa modalidade. Entre elas, podemos citar:

  • Click and Collect: mais um exemplo de experiência multicanal, o Click and Collect começa no meio digital e termina no físico. O cliente escolhe os produtos e faz a compra antes mesmo de chegar à loja. Ao fazer o pedido por meio da plataforma online, basta determinar a loja e o horário de sua preferência para a retirada da compra;
  • Totem Interativo: os totens são usados de diversas formas no varejo, do catálogo de produtos até as informações para serviços da loja e relacionamento. Nessas centrais, seu PDV pode disponibilizar um cadastro no programa de fidelidade, por exemplo, inserindo dados básicos e preferências de consumo;
  • Mesa Interativa: o objetivo dessa experiência é fazer o cliente descobrir mais itens que ele pode precisar. Ao mesmo tempo, o vendedor é informado por um aplicativo que o cliente está na mesa e quais são os produtos que está escolhendo. A partir daí, ele recebe sugestões de compra casada, um conceito de cross selling,
  • Gestão de Preço: Voltada para o gestor, faz a comparação entre os preços das lojas online, física e da concorrência. A tela principal analisa dados de faturamento, venda e também o ranking de produtos mais e menos vendidos. Ao ter essas informações, é possível analisar o impacto nos resultados e tomar ações, seja na aplicação de uma promoção, na atualização das etiquetas eletrônicas ou no display das gôndolas.

Todos esses recursos já citados, além das etiquetas inteligentes com precificação dinâmica e conteúdo estendido, gôndola infinita, marketing de proximidade e fidelidade, PDV móvel e reconhecimento facial, são benefícios que você não pode deixar de conhecer se quiser trazer vantagens competitivas à sua empresa.

E você, se interessou pelas inovações tecnológicas e novas soluções que podem ser aplicadas em seu negócio? Para conhecer mais sobre esse tema e descobrir seus impactos no varejo, conte com a TOTVS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *