7 passos para um bom plano orçamentário

Equipe TOTVS | Biblioteca | Uncategorized | 01 outubro, 2018

1º – Um bom planejamento orçamentário deve ser encarado como um projeto, invista mais tempo no planejamento para que a execução seja mais rápida e segura.

Comece simples e vá ampliando os controles conforme a cultura do planejamento orçamentário for se consolidando.

2º – Defina claramente as responsabilidades de cada participante no processo e capacite-os nas tarefas a serem cumpridas, estabeleça prazos e controles.

Para muitos gestores isso gera muito estresse, por isso comece com controles mais simples para que a mudança possa ser melhor absorvida, caso necessário monte planilhas de apoio para facilitar o aculturamento.

3º – Defina as regras de movimentação financeiras, ativos fixos, materiais e de pessoas para que estes processos sejam conhecidos e posteriormente automatizados, garantindo agilidade e confiança nos lançamentos.

Aproveite a quantidade reduzida de contas orçamentárias para adquirir as competências e habilidades necessárias.

4º – Demonstre que as informações movimentadas estão sendo controladas e que os envolvidos poderão acompanhar o progresso do seu orçamento através de consultas e relatórios de forma individualizada ou consolidada conforme definido pela organização.

Treinamento na utilização de consultas e reuniões mensais ajudarão na percepção que existe controle sobre os processos e que a gestão é simples e ágil. Configure novas consultas conforme as demandas ou sugestões das áreas.

5º – Treine os usuários e incentive o uso dos recursos de simulação e gestão de versões para aprimoramento da usabilidade da ferramenta.

Um bom incentivo é a premiação pelo bom uso do orçamento, lembrando que nem sempre economizar ou não usar um valor orçado é o ideal.

6º – Uma grande etapa é a habilitação das regras de bloqueio, informando os envolvidos e fazendo isso de forma gradativa. Como nas etapas anteriores, pode ser melhor andar em passos mais lentos e seguros, mas garantindo que eles existam e se consolidem.

A cada novo orçamento você poderá aumentar o nível de controle sem que a empresa e o projeto sejam comprometidos.

7º – Melhore continuamente os processos de planejamento e controle orçamentário da organização, para que todos os envolvidos, do mais baixo até o mais alto escalão percebam o quanto um orçamento controlado pode ajudar a organização e suas partes.

Lembre-se que o processo deve gerar valor. Quando chegar no ponto que existe mais controle do que valor agregado está na hora de parar e consolidar.

A TOTVS dispõe de várias soluções para o controle do orçado X realizado, dependo da cultura e necessidade da empresa. Podemos iniciar um plano basicamente financeiro e chegar num planejamento que leva em conta fatores com carteira de clientes, linhas de produtos, entre outros.

Não somente dispomos de produtos, mas principalmente contamos com profissionais que podem ajudar desde o projeto até as melhorias no uso da ferramenta de planejamento orçamentário.

Para maiores informações sobre a solução e serviços, entre em contato com seu canal TOTVS.

Clique aqui e conheça mais sobre as soluções em manufatura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *