telemedicina-no-brasil

Como se comporta a telemedicina no Brasil?

Equipe TOTVS | GESTÃO PARA INSTITUIÇÕES DE SAÚDE | 14 agosto, 2020

Seguindo o exemplo de outros países, a telemedicina no Brasil se trata de um recurso da área da saúde, em que consultas podem ser feitas à distância, além de diagnósticos, leitura de exames e emissão de laudos e atestados médicos.

A solução tem sido incorporada cada vez mais na rotina dos brasileiros. Portanto, é essencial garantir a segurança de profissionais e pacientes. Se você quer saber mais sobre a consulta médica à distância, continue acompanhando este artigo!

O que é telemedicina?

A telemedicina no Brasil, assim como em outros lugares do mundo, consiste em uma solução tecnológica voltada ao atendimento médico, possibilitando a comunicação remota com pacientes e outros profissionais da área de saúde.

Essa abordagem é eficiente ao quebrar barreiras físicas, limitadas a consultórios, clínicas e hospitais. Com a modalidade à distância, é possível contar com atendimento em qualquer lugar. Além disso, ela permite analisar exames, oferecer diagnósticos e contatar especialistas de outras áreas de forma ágil.

Na maioria das vezes, a plataforma intermediadora é a internet, conectada a um computador, smartphone, tablet ou outros dispositivos tecnológicos, mas também pode ser realizada uma consulta por telefone.

Situação da telemedicina no Brasil

O sistema de saúde no Brasil vem evoluindo em uma constante, e o projeto que deu origem à lei regulamentadora da telemedicina no Brasil foi aprovada no fim de março de 2020. O Conselho Federal de Medicina determinou três formas de abordagem para o atendimento remoto. São elas:

  • Teleorientação: o paciente recebe de seu médico as informações sobre os sintomas descritos, com orientações a respeito de sua possível permanência em casa, ou se é necessário o atendimento presencial;
  • Telemonitoramento: é feito um acompanhamento dos sintomas do paciente, verificando se há alguma alteração do quadro ou se ele continua estável, evitando a necessidade do pronto atendimento, 
  • Teleinterconsulta: o médico responsável discute com outros profissionais da área, trocando informações e recebendo mais opiniões sobre determinado caso, colhendo o parecer de especialistas de diferentes áreas da medicina.

Vale lembrar que o paciente pode solicitar uma consulta médica on-line com o profissional que já o acompanha normalmente, mas as operadoras de saúde também podem disponibilizar esse recurso, por meio do site ou aplicativos.

Nova call to action

Benefícios em adotar a telemedicina no Brasil

Entre as principais vantagens observadas pelo uso da telemedicina no Brasil, podemos citar a aproximação e a agilidade do processo. Em locais mais afastados de um centro médico, é possível ter acesso a consultas e orientações, sem a exigência de deslocamento. 

Da mesma maneira, um atendimento ou feedback, que poderia levar dias ou até mesmo semanas para ser realizado, pode ser concluído em questão de minutos, agilizando as medidas que precisam ser tomadas em quadros primários, como a compra de um medicamento ou uma cirurgia, por exemplo, em casos mais graves.

A telemedicina no Brasil também é vantajosa para os próprios profissionais de saúde, uma vez que a tecnologia permite contar com treinamentos e atualizações do conhecimento com especialistas de qualquer lugar do mundo, de forma segura e certificada, trazendo o que há de melhor para suas áreas.

Funcionamento e tecnologias da telemedicina

Até aqui, você pôde perceber que a atuação da telemedicina no Brasil se resume a três etapas básicas: educação, consulta e assistência. A educação se utiliza de aulas on-line, palestras e videoconferências para capacitar profissionais.

As consultas são a interação de médico e paciente, como já explicamos, e a assistência é a discussão com mais profissionais, que debatem e opinam se há a necessidade de um acompanhamento presencial, internação ou coisa do tipo.

A inteligência artificial na saúde tem um papel fundamental para os avanços da medicina, ao emular a capacidade humana de resolver problemas e pensar em soluções, identificando padrões e cruzando informações.

Dessa forma, é possível obter diagnósticos ainda mais precisos. Quando falamos em saúde, é sempre melhor prevenir do que remediar, e a IA é eficiente nesse sentido, ajudando a reduzir os índices de sinistralidade.

Com o recurso de machine learning, ou aprendizado de máquina, é possível automatizar atividades e até mesmo entender quais casos são mais urgentes e demandam maior atenção, com a definição de prioridades.

A medicina sem barreiras físicas 

Ao longo deste conteúdo, explicamos o que é telemedicina, falando sobre seu funcionamento, as vantagens que oferece e como é interpretada e regulamentada no Brasil. Pensando nisso, a TOTVS conta com uma linha de atendimento específica para seus colaboradores.

Ao pensar em tecnologia e inovação, a TOTVS é referência de mercado. Acreditando no potencial do Brasil que faz, levamos nossas soluções e sistemas para mais de 12 segmentos de mercado, e no setor da saúde não é diferente, seja para operadoras ou prestadoras.

Se você gostou deste conteúdo e quer saber mais sobre o tema, conheça a importância da farmácia hospitalar nas instituições. Para não perder nenhuma novidade, continue acompanhando nosso blog e assine a newsletter!

solução completa para instituições de saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.