educonnect

MP 946/2020 Extinção do Fundo do Pis/Pasep e Saque do FGTS

Equipe TOTVS | FISCAL CLIENTES | 08 abril, 2020

A medida provisória 946/2020 publicada pelo governo federal, visa extinguir o fundo do Pis/Pasep e repassar orientações sobre mudanças no Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).


SOBRE A EXTINÇÃO DO FUNDO PIS/PASEP

  • O fundo ficará extinto a partir de 31/05/2020;
  • Os recursos nele disponíveis automáticamente serão transferidos para o FGTS;
  • As contas vinculadas aos participantes deste fundo, passarão a ter suas informações cadastrais e financeiras administradas pelo FGTS e as contas vinculadas individuais também serão remuneradas segundo os critérios do FGTS. 
  • a movimentação das contas do FGTS, autorizados pelo operador deste fundo, também permitirá a movimentação do saldo das contas individuais vinculadas ao fundo Pis/Pasep, seguindo os critérios estabelecidos na MP 946/2020.
  • recursos remanescentes de contas individuais serão considerados abandonados a partir de 01/07/2025 e passarão a pertencer a União, com prazos e forma definidos pelo Ministério da Economia. 

SOBRE SAQUES DO FGTS

De 15/06/2020 à 31/12/2020, fica autorizado o saque do FGTS, por todos que tiverem conta vinculada, no valor de R$ 1045,00 por trabalhador, como forma de auxílio no combate a Pandemia da Covid-19. 

O crédito será automático se o trabalhador possuir conta poupança na Caixa Econômica Federal, ou em alguma conta bancária que indicada pelo trabalhador, que precisa ser o titular da conta, nos dois exemplos. 

A forma e o cronograma do saque serão estabelecidos pela Caixa Econômica Federal e caso não haja interesse do trabalhador nesta disponibilidade, poderá solicitar o desfazimento da operação até 30/08/2020. 

Fonte: MP 946/2020

ESPAÇO LEGISLAÇÃO

A área espaço legislação da TOTVS é destinada a apresentar todas as novidades e atualizações da legislação fiscal e tributária brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *