setor supermercadista

As tendências tecnológicas no setor supermercadista

Equipe TOTVS | GESTÃO SUPERMERCADISTA | 20 dezembro, 2019

Cada vez mais o setor supermercadista precisa se atualizar para acompanhar as inovações do mercado e atender os clientes da melhor forma possível.

Algumas tecnologias já estão disponíveis e vem facilitando a vida dos consumidores,  trazendo mais lucratividade para os estabelecimentos.

Neste artigo, falamos mais sobre essas soluções e sobre as tendências para o próximo ano no setor de supermercados

Beacons

Com essa tecnologia é possível interagir com os consumidores, descobrindo os produtos nos quais eles demonstraram interesse e oferecendo ofertas exclusivas. Isso é feito por meio de um aplicativo do próprio supermercado que os clientes baixam no celular.

Trata-se de uma forma eficiente de oferecer exatamente o que o cliente busca e criar vínculo por meio de promoções personalizadas conforme as necessidades dele. O Beacons é fácil de usar e  de implementar, além de ajudar na construção do relacionamento com o cliente.

Nova call to action

Self-checkout

Uma inovação que já está sendo implementada é o self-checkout. É um auto atendimento que pode ser adotado por supermercados para evitar filas e facilitar a compra. A solução permite que o próprio cliente passe os produtos e faça o pagamento.

É uma solução para varejo mais acessível, por isso, poderá ser uma das grandes tendências de supermercados para o próximo ano. O público está buscando mais autonomia, e o self-checkout oferece exatamente isso. 

Compra on-line

Apesar de ser comum comprar on-line, isso não acontece com frequência para o segmento, mesmo que o porte do setor supermercadista seja grande. Com a chegada de aplicativos intuitivos de entregas por parte dos estabelecimentos, essa modalidade de compra pode ser mais adotada pelo consumidor.

A vantagem está em evitar passar muito tempo escolhendo produtos e carregando a compra do supermercado para casa. As compras podem ser feitas pelo computador ou pelo celular, sendo entregues na residência do cliente. Isso gera uma economia para o negócio, que acaba vendendo mais sem precisar ter muitas filiais.

M-commerce

Grandes redes de supermercados já estão investindo em soluções que incentivem o uso do celular no ponto de venda. Dentro do conceito de m-commerce, podemos incluir os aplicativos de desconto e os scanners, que leem o código de barras dos produtos e fazem o pagamento pelo celular, entre tantas outras possibilidades.

A nova geração de consumidores busca soluções que facilitem o dia a dia, além de gostarem de usar a tecnologia constantemente. Por isso, o futuro dos supermercados terá muito mais participação de tecnologias que integram os smartphones.

Mapa de calor

Entender o comportamento do consumidor dentro do ponto de venda, é essencial para o  planejamento estratégico dos produtos. Para montar um planograma eficaz, é possível utilizar a tecnologia de mapa de calor.

Através de câmeras, é possível fazer um mapeamento para saber as áreas mais visitadas do estabelecimento. Esses dados apontam quais os pontos que chamam mais a atenção dos clientes e em quais locais eles passam menos tempo. Essa informação pode ser usada para a organização do layout, etc.

Adega inteligente

A Inteligência Artificial já atua solucionando diversos problemas em diferentes setores, como a agricultura e a indústria. Essa inovação também está alcançando o setor supermercadista. Um exemplo disso é a adega inteligente, que ajuda o cliente a escolher os vinhos de acordo com suas informações.

Basta passar o rótulo do produto no leitor para descobrir a região de origem, tipo de uva e até quais pratos combinam com a bebida. É uma ideia que pode ser aplicada futuramente em outras áreas do supermercado, para facilitar a escolha dos produtos e informar mais sobre ele.

Sistema de gestão

O sistema de gestão já é muito utilizado nas empresas, mas está se tornando popular também nos supermercados. Isso porque oferece total controle sobre o estabelecimento, desde a entrada de produtos até a saída no caixa. A solução também facilita o controle de estoque, a gestão de compras e o processo de precificação.

Com isso, é possível reduzir custos e minimizar prejuízos, além de controlar falhas de processo. No que se refere ao âmbito fiscal, é possível manter a operação conforme as diferentes obrigações e regulamentações, como o eSocial e o Bloco K.

Aproveite para conhecer mais artigos sobre varejo e entender como as novas tecnologias podem auxiliar seu negócio. Entenda como funciona a solução de Pick and Go em nosso artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.