SEFAZ/RS – Prorroga para 2021 implantação da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica

Equipe TOTVS | FISCAL CLIENTES | 13 dezembro, 2019

Foi publicado o Decreto nº 54.905/2019, onde o governo prorroga para 1º de janeiro de 2021 a obrigatoriedade da  Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFC-e) para os demais contribuintes que promovam operações de comércio varejista.

O decreto trata também alteração no prazo de transição entre o ECF, estabelecendo uma data limite para sua utilização: O contribuinte sujeito a obrigatoriedade de uso da NFC-e poderá emitir Cupom Fiscal por ECF que já possua autorização de uso, pelo prazo de 2 (dois) anos a contar das respectivas datas de início da obrigatoriedade, limitado a 31.12.2021.

Segue tabela com novo prazo, em que a NFC-e vem substituindo gradativamente a emissão da nota fiscal de venda a consumidor, modelo 2 (papel), e o cupom fiscal emitido por ECF, desde 2014, conforme o calendário abaixo:

Fonte: SEFAZ RS

ESPAÇO LEGISLAÇÃO

A área espaço legislação da TOTVS é destinada a apresentar todas as novidades e atualizações da legislação fiscal e tributária brasileira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.