Planejamento agrícola: como a tecnologia pode ajudar?

Equipe TOTVS | GESTÃO AGRÍCOLA | 25 setembro, 2020

O planejamento agrícola é responsável por determinar e traçar estratégias na gestão rural, com o objetivo de reduzir custos, aumentando a produtividade e a sustentabilidade do negócio.

O planejamento rural também é essencial para estar preparado para qualquer tipo de imprevisto, seja em relação às vendas, ao controle de pragas ou à condição climática. Se você quer entender melhor sobre esse aspecto da gestão agrícola, continue com a leitura deste artigo!

Etapas para o sucesso do planejamento agrícola

O planejamento agrícola consiste em uma série de ações e determinações, que auxiliam na rentabilidade do agronegócio e na otimização de diversos processos. A seguir, separamos as principais etapas para uma estratégia bem-sucedida.

Planejamento de orçamento

O orçamento envolve todos os quesitos relacionados ao financeiro da operação. Custos, lucros e investimentos, devem constar no orçamento, para que toda a cadeia produtiva seja ainda mais confiável.

Faça um levantamento a respeito de tudo o que será exigido para gerenciar as atividades rurais, entre máquinas, mão de obra e insumos agrícolas. É interessante ressaltar que, dependendo dos objetivos da plantação, o orçamento deve se adaptar.

Controle de evolução da lavoura

Seguindo a etapa do orçamento, é necessário realizar um acompanhamento da evolução do projeto em andamento nas instalações rurais, comparando se os resultados estão compatíveis com os níveis de investimento. Nesse sentido, é importante diferenciar:

  • Orçamento planejado: utiliza dados das cadeias produtivas do agronegócio, do mercado e da própria fazenda, elaborando um projeto;
  • Orçamento realizado: analisa informações colhidas na rotina diária da lavoura, avaliando possíveis melhorias e taxas de sucesso.

A partir da coleta e da análise de dados, pode-se desenvolver relatórios que ajudam a aproximar os investimentos e os planos de ação ao mais próximo das necessidades reais da produção agrícola, dando suporte às melhores tomadas de decisão.

Uso da tecnologia

O planejamento agrícola considera diversos fatores, integrando áreas operacionais, que atuam diretamente no campo, com setores mais estratégicos, como armazenamento, transporte, vendas e administrativo.

Ao definir e dividir os setores da sua fazenda, é imprescindível proporcionar uma comunicação clara e eficiente entre eles, integrando dados, documentos e análises. Também é essencial avaliar o desempenho de cada área e descobrir os pontos que podem ser potencializados, elevando a qualidade dos processos e dos produtos.

Sendo assim, a automação torna-se o parceiro ideal para a redução de gargalos e falhas humanas, seja diretamente na lavoura ou na parte gerencial. Colaboradores podem ser direcionados para atividades mais complexas, que exigem maior poder de raciocínio e estratégia.

Com a utilização de softwares de gestão, os dados podem ser coletados de maneira muito mais ágil e precisa, impactando diretamente a tomada de decisão, no direcionamento de recursos de forma efetiva e na avaliação dos resultados da implementação de uma tecnologia ou inovação.

Nova call to action

Sistema de gestão no planejamento agrícola

Um sistema de gestão agrícola ajuda a potencializar os níveis de produtividade, sendo possível administrar cada lote de terra trabalhado, horas de máquinas e funcionários, quantidade de insumos necessários, etc.

A partir do momento em que os processos ganham qualidade e padronização, os equipamentos podem ter suas vidas úteis prolongadas, os defensivos agrícolas podem ser melhor utilizados, a transformação de matérias-primas pode ser acompanhada e os serviços de transporte rastreados.

No setor de bioenergia, por exemplo, o sistema organiza e registra as tarefas que transformarão a cana-de-açúcar e o milho em combustíveis renováveis. No beneficiamento de sementes, por sua vez, o ERP ajuda a trazer maior eficiência na armazenagem e na distribuição.

Contar com um software para o planejamento estratégico de propriedade rural também implica na gestão de contratos de compra e venda, além da aplicação de testes de qualidade. Ainda concentra dados trazidos por soluções de inteligência artificial, quando, por drones, faz a leitura e o escaneamento de pragas na plantação.

A tecnologia também é aliada do produtor rural ao atuar na gestão de armazéns, manutenção e controle de frotas, telemetria, organização da rotina logística, acompanhamento de safra e colheita, comercialização de commodities agrícolas e muito mais.

Faça seu planejamento agrícola com um sistema TOTVS

Um planejamento agrícola, com certeza, não é uma tarefa fácil. Para superar os desafios encontrados na produção rural, é fundamental estar cercado do que há de melhor em gestão e inovação. 

Ao longo deste conteúdo, trouxemos maiores detalhes sobre o planejamento no agronegócio, explicando as etapas que constroem um ciclo bem-sucedido da operação, bem como a importância do uso da tecnologia no processo.

A TOTVS acredita no Brasil que faz e é a maior empresa de tecnologia do país. Com sistemas que atendem 12 segmentos de mercado, e mais de 30 mil clientes por toda a América Latina, nossas soluções são aderentes aos pequenos, médios e grandes produtores.

Se você gostou do artigo e quer se aprofundar sobre o tema, conheça melhor o funcionamento do software de gestão agrícola da TOTVS. Para não perder nenhuma novidade, continue acompanhando o blog e não se esqueça de assinar a newsletter.

Nova call to action

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.