Despachante aduaneiro: o que faz, importância e salário

Equipe TOTVS | 04 dezembro, 2023

O comércio internacional oferece infinitas possibilidades de negócios, mas os trâmites de importação e exportação demandam conhecimentos específicos. É aqui que se encaixa o papel do despachante aduaneiro.

Com o objetivo de simplificar os processos aduaneiros, esse profissional é um aliado indispensável para lidar com as complexidades por trás dessas movimentações.

Entenda qual é o papel desse profissional e saiba como ele pode contribuir para a otimização da logística aduaneira nas operações do seu negócio.

O que faz um despachante aduaneiro?

O despachante aduaneiro é um profissional especializado em processos e regulamentações ligados à área do comércio internacional, que atua para garantir o cumprimento das normas legais ao longo do processo alfandegário. 

Esse profissional atua como um intermediário entre empresas importadoras ou exportadoras de mercadorias e autoridades aduaneiras, com o objetivo de facilitar as operações logísticas e fiscais.

Algumas das principais responsabilidades do despachante incluem:

  • preparar e orientar sobre o preenchimento de documentação para despacho aduaneiro;
  • acompanhar todo o processo de desembaraço aduaneiro, da documentação à liberação das mercadorias;
  • orientar sobre a classificação de mercadorias, calcular impostos e tarifas de importação ou exportação;
  • comunicar-se com as autoridades aduaneiras em nome do importador ou exportador.

O despachante também pode disponibilizar consultorias para auxiliar em assuntos como otimização da logística aduaneira, análise de acordo internacional e cumprimento de questões fiscais.

Onde um despachante aduaneiro pode trabalhar?

Além de atuar de forma autônoma, o profissional especializado em despacho aduaneiro de exportação ou importação pode trabalhar em empresas de desembaraço aduaneiro, importação e exportação ou ainda para autoridades aduaneiras do governo.

Outra opção é atuar com empresas de transporte de cargas, que podem contratar o despachante com o objetivo de auxiliar os clientes no cumprimento das obrigações aduaneiras.

Como autônomo, o despachante pode oferecer consultorias e assessorias independentes em comércio exterior para as empresas. Nesses casos, ele trabalha com orientações especializadas sobre o processo de importação e exportação. 

Imagine uma empresa de eletrônicos que deseja importar smartphones de um fabricante chinês. 

A assessoria de um despachante pode garantir o atendimento de todos os requisitos legais, evitar atrasos e assegurar o recebimento ágil das mercadorias, com eficiência e sem estresse com as burocracias.

Qual a importância desse profissional para a cadeia logística?

importancia do despachante aduaneiro

Imagine a cadeia logística como uma grande engrenagem: o despachante aduaneiro é peça fundamental para que tudo funcione de forma eficiente, sem problemas no sistema.

Com seu conhecimento especializado sobre regulamentações locais e internacionais, ele traz inúmeros benefícios ao processo aduaneiro, como:

  • redução de riscos e atrasos no despacho aduaneiro;
  • economia de tempo e dinheiro nos processos alfandegários;
  • maior leveza e assertividade para lidar com a burocracia aduaneira;
  • facilitação do comércio internacional, simplificando o caminho para expansão de mercados.

O suporte desse profissional garante, por exemplo, o preenchimento correto de todas as documentações, o pagamento adequado de taxas e impostos, além de evitar problemas como a aplicação de multas e apreensões de mercadorias. 

Despachante aduaneiro e agente de cargas são a mesma coisa?

O profissional especializado em despacho aduaneiro e o agente de cargas exercem papel fundamental na cadeia logística do comércio exterior, mas desempenham funções diferentes. 

Enquanto o despachante lida com regulamentos aduaneiros e questões alfandegárias, o agente de cargas fica responsável pelo transporte físico das mercadorias. 

A função desse agente é organizar o transporte, a armazenagem e a distribuição da carga. Para isso, ele assume responsabilidades como planejamento de rota, contato com fornecedores e escolha dos modais de transporte. 

Nesse contexto, podemos dizer que o despachante está mais conectado à parte burocrática do processo, enquanto o agente de cargas se relaciona com os serviços logísticos.

Apesar dos papéis diferentes, os dois profissionais podem atuar em conjunto para garantir uma cadeia de suprimentos mais eficiente, otimizando o fluxo logístico por completo.

Qual é o salário de um despachante aduaneiro?

Antes de seguir a profissão, é importante saber quanto ganha um despachante aduaneiro. No Brasil, a média salarial desse profissional é de R$3.807.

O dado é do portal Vagas.com, que destaca a variação de valores de acordo com o nível de experiência. A média também pode variar de uma empresa para outra e conforme as demandas do cargo. 

Como ser um despachante aduaneiro?

Para seguir carreira na área de despacho aduaneiro, é possível cursar uma graduação em comércio exterior, assim como nas áreas de logística, negócios e administração, por exemplo. 

Outra opção é a área de direito, que oferece uma formação relevante sobre as regulamentações aduaneiras. 

Além da formação acadêmica, é necessário realizar um registro junto à Receita Federal. Após o registro, o profissional pode solicitar o Cadastro Aduaneiro. 

Segundo o Vagas.com, 26% dos profissionais começaram como ajudante de despachante antes de ocupar o cargo de despachante aduaneiro. Depois, 15% dos especialistas tornaram-se analistas de importação. 

A inscrição de ajudante está entre a documentação solicitada para registrar-se como despachante, segundo determinações da Receita Federal

Habilidades essenciais nessa profissão

Nem só de passos burocráticos se faz um profissional especializado em despacho aduaneiro: algumas soft skills são parte do pacote buscado pelas empresas do setor.

Um bom despachante no processo de desembaraço aduaneiro deve ter uma combinação de habilidades técnicas e interpessoais, como:

  • conhecimento técnico aprofundado sobre as regulamentações locais e internacionais;
  • pensamento analítico e paciência para solucionar problemas rapidamente e tomar decisões assertivas;
  • capacidade de adaptação e atualização constante para acompanhar as mudanças rápidas no comércio internacional;
  • capacidade de negociação e comunicação eficaz com clientes, profissionais da logística e autoridades aduaneiras.

Como contratar um despachante aduaneiro? Confira algumas dicas

Como contratar um despachante aduaneiro

Contar com um especialista em despacho aduaneiro faz toda a diferença no sucesso das suas operações internacionais, mas é importante saber como encontrar um profissional realmente qualificado para atender as necessidades do seu negócio.

Ao conhecer as características essenciais desse cargo, como fizemos acima, fica mais fácil avaliar as habilidades de cada profissional.

Além disso, listamos outras dicas que vão ajudar a garantir a melhor contratação para a sua empresa. Confira:

  • questione sobre os custos, processos e tecnologias utilizadas, como o extrato de Declaração de Importação (DI);
  • verifique as credenciais e registros do profissional no Siscomex e na Receita Federal;
  • avalie experiências anteriores do despachante e depoimentos de outros clientes;
  • analise a comunicação e o conhecimento técnico do profissional.

TOTVS Logística Recintos Aduaneiros

A logística aduaneira envolve diferentes processos, etapas e muita burocracia, por isso é uma operação que demanda muita atenção aos detalhes. 

Tornar a atividade mais eficiente e ágil é um desejo comum entre os negócios que atuam com comércio internacional. Com a tecnologia do TOTVS Logística Recintos Aduaneiros, isso tornou-se uma realidade.

O sistema é projetado para otimizar o controle aduaneiro, com entendimento da legislação e funcionalidades especializadas em todos os processos – do recebimento da mercadoria até a expedição.

A plataforma permite o controle de entradas e saídas de mercadorias, assim como da movimentação nos recintos alfandegários e da operação financeira, auxiliando no cálculo de impostos, por exemplo. 

Conheça o TOTVS Logística Recintos Aduaneiros e garanta uma operação segura e eficiente!

Conclusão

O despachante aduaneiro desempenha um papel fundamental na cadeia logística internacional, especialmente para evitar atrasos, custos extras e problemas com a legislação.

A tecnologia tem assumido uma função cada vez mais importante ao lado desses profissionais, atuando para a simplificação dos processos aduaneiros.

Plataformas de gestão logística e sistemas como o TOTVS Recintos Aduaneiros têm transformado a forma como empresas lidam com as atividades de importação e exportação, que se tornam menos complexas com o auxílio da tecnologia.

Ao adotar soluções como essas e contar com profissionais qualificados, os negócios podem aproveitar os benefícios de uma logística aduaneira bem estruturada e organizada, como economia de tempo e dinheiro, cumprimento de normas e redução de erros. 

Artigos Relacionados

Deixe aqui seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.