Listamos 3 dicas para combater a defasagem tecnológica na sua empresa

Listamos 3 dicas para combater a defasagem tecnológica na sua empresa

Equipe TOTVS | GESTÃO INDUSTRIAL | 10 janeiro, 2019

A constante evolução tecnológica dos tempos atuais fez com que, a todo momento, surgissem novos mecanismos para diversos segmentos. As empresas que, por diferentes motivos, não seguem esse progresso acabam tendo mais problemas com a defasagem tecnológica em relação aos seus concorrentes nacionais e internacionais.

Os negócios que não participam dessas inovações perdem competitividade e também ficam para trás no seu mercado de atuação. Contudo, muitos gestores ainda têm dúvidas de como identificar se a empresa está com a tecnologia ultrapassada.

Neste artigo, listaremos algumas formas de como combater esse tipo de problema. Você vai reconhecer alguns dos sinais que revelam por que está na hora de a sua empresa se atualizar. Continue lendo!

O que é a defasagem tecnológica?

Quando um determinado equipamento está velho e ultrapassado, ele começa a apresentar diversos problemas ou, até mesmo, deixa de ser útil como era. Desse modo, é preciso substituí-lo por um novo, preferencialmente um que utilize novas tecnologias e que busque promover a melhoria de resultados.

Da mesma forma, quando se trata de empresas, elas devem passar por essa situação, pois a defasagem tecnológica é um processo natural. É necessário se adaptar antes que as organizações fiquem obsoletas perante o mercado. Assim, esse é um problema que atinge grande parte dos negócios atuais.

Por exemplo, uma pesquisa divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) apontou que 14 dos 24 segmentos industriais no Brasil precisam adotar medidas de digitalização em seus processos produtivos, se quiserem manter a competitividade no mercado.

O estudo levou em consideração dados sobre inovação, produtividade e exportações, quando comparados às 30 maiores economias do mundo. Esse atraso é ilustrado pela quantidade de regras protecionistas estipuladas pelo Estado desde o final da Segunda Guerra e presentes até os dias de hoje.

Ou seja, essas reservas de mercado criaram medidas que geraram acomodação das áreas produtivas nacionais, uma vez que as empresas do Brasil não eram expostas às competições do mercado internacional. Isso deixou as organizações brasileiras com métodos muito aquém daqueles empregados por outros países.

Assim, essa defasagem ocasiona grandes prejuízos para o setor empresarial brasileiro. Por isso, é preciso se adequar aos padrões atuais de mercado.

Como reconhecer se a sua empresa pode estar em defasagem tecnológica?

Esse tipo de questão atrasa o desenvolvimento de uma empresa e acarreta diversos problemas, como a perda de eficiência e os prejuízos em curto e longo prazo. Assim, é importante estar alerta, pois os danos podem ser irreparáveis. Confira agora como reconhecer se o seu negócio apresenta defasagem tecnológica.

Segurança da informação

A utilização de sistemas de proteção obsoletos traz muitos riscos para a segurança da informação e os dados de um negócio. Do mesmo modo, softwares ultrapassados não favorecem a análise e a eficiência de processos que poderiam ser importantes para a tomada de decisões.

Perda de competitividade

A perda de competitividade é o principal indício para a sua empresa. A partir do momento em que você constata que os seus concorrentes estão em níveis cada vez mais distantes em relação ao seu empreendimento, percebe-se que a sua empresa está defasada e que já passou da hora de investir em atualizações.

Eficiência energética

Equipamentos e sistemas antigos são bem menos eficientes, pois apresentam um alto consumo de eletricidade e geram mais custos de produção. Pelo mesmo motivo, a manutenção desses aparelhos também acaba sendo mais constante e cara.

Experiência do consumidor

A utilização de tecnologia defasada influencia também a expectativa do cliente com a sua empresa. Um ciclo constante de experiências ruins prejudica as suas ações de marketing e atração de clientes, criando consumidores insatisfeitos, por exemplo.

Gargalos na produção

Gargalos provocados por programas e máquinas obsoletas podem dificultar o processo produtivo de uma organização, causando perdas de produtividade e ineficiência.

Além do mais, o uso constante de atividades manuais que poderiam ser substituídas por tecnologias eficazes diminui a capacidade de trabalho dos colaboradores, o que prejudica o trabalho em equipe e reduz a motivação.

Como evitar a defasagem tecnológica?

1. Integre todos os setores

A integração de setores pelo uso de sistemas de gestão é fundamental para evitar a defasagem tecnológica nas empresas. Melhorar processos passa muito por centralizar a coleta e análise de informações de negócios provenientes das diversas áreas que mantêm a empresa — que podem ser desmembrados em administrativos, financeiros e operacionais.

Essa incorporação precisa ser uma via de mão dupla. Um sistema de gestão interliga dados de todas as áreas e, ao mesmo tempo, permite que colaboradores de todos os segmentos tenham uma visão precisa de sua posição para a cadeia produtiva. Desse modo, eles podem auxiliar uns aos outros de maneira muito mais fácil.

2. Informatize o negócio

Muitas empresas já mantêm os seus processos informatizados. No entanto, nem sempre eles estão de acordo com os padrões exigidos pelo mercado. Por conta disso, muitos negócios não acompanham a concorrência e deixam a desejar nesse quesito.

A informatização de uma companhia não consiste apenas em criar planilhas em Excel, por exemplo. Esse é um conceito bem mais amplo, chamado hoje de transformação digital. É uma maneira de ver a tecnologia não apenas como um suporte às operações, mas também como uma ferramenta que exerce o papel de núcleo do negócio.

Para melhorar os seus processos no mercado atual, com fôlego para competir por novos públicos e novas demandas de nicho, a sua cadeia de produção e a própria administração necessitam partir de um ponto de vista tecnológico. Por isso, você deve sempre buscar por inovações e aplicar na sua empresa, a fim de se desenvolver e conquistar novos clientes.

3. Implemente um sistema de gestão (ERP) moderno

Esse tipo de sistema talvez seja a prioridade máxima atualmente nos negócios que querem se informatizar e também evitar problemas com tecnologias obsoletas. Talvez a sua empresa já até utilize soluções desse tipo, mas é possível que esteja na grande fração que ainda não optou por softwares mais modernos.

Os sistemas de gestão integrada, quando são antigos, oferecem soluções limitadas se comparadas às opções existentes no mercado atual. Isso obriga empresas a realizar controles e monitoramentos complementares de modo manual.

Qualquer tarefa comum que exija muito tempo do profissional é um passo para trás no percurso para a melhoria de processos. O uso de serviços mais modernos de ERP é um atalho para produzir mais gastando menos.

Enfim, a defasagem tecnológica precisa ser observada pelos empresários. Realizar um investimento estratégico é fundamental para garantir as operações eficientes do negócio. Isso otimizará o seu relacionamento com os clientes e também permitirá que a sua companhia fique à frente da concorrência.

E aí, gostou deste post? Assine a nossa newsletter e tenha acesso a conteúdos como este diretamente em seu e-mail!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *