Como saber quantos pedágios tem na rota? Veja as melhores opções

Equipe TOTVS | 24 abril, 2022

“Será que tem como saber quantos pedágios tem na rota?”

Quantas vezes você já se fez essa pergunta na hora de pensar nos caminhos para sua frota? Esses custos devem ser considerados para que haja maior controle de gastos, certo?

Um calculador de pedágio pode ajudá-lo com essa tarefa, assim como outras ferramentas que podem dar uma boa noção na hora de calcular o valor do pedágio.

Neste texto, falamos os motivos para você conhecer os pedágios na rota da sua frota. Na sequência, apontamos como saber quantos pedágios tem na rota, como calcular esses custos, e outros pontos importantes.

Vem com a gente! 

Por que é importante conhecer os pedágios na rota da sua frota?

Imagine que você queira fazer uma viagem de carro com a família pelo litoral do nordeste. Ao traçar as rotas possíveis, você vê que há alguns pedágios na rota.

Você utiliza um calculador de pedágio para saber o quanto deverá acrescentar no orçamento da viagem. Dessa forma, consegue se planejar financeiramente melhor e evita sustos com gastos extras.

Pense esse exemplo no seu dia a dia na empresa. As operações de transporte são comuns, e você precisa calcular custo de viagem com pedágio.

Para se ter uma ideia, temos 441 pontos de cobrança de pedágio no Brasil, somando todas as concessões (federais, estaduais e municipais). 

Por isso, a pergunta “como saber quantos pedágios tem na rota” faz muito sentido! A resposta é fundamental para garantir a previsão e o controle dos custos do seu negócio com o transporte. 

Conhecendo esses gastos, o gestor poderá avaliar com precisão o valor que será incluído no preço de seus produtos ou serviços. 

Em outras palavras, conhecer os pedágios na rota da sua frota é importante para a gestão do negócio, em especial para a gestão de frotas

Dito isso, como saber quantos pedágios tem na rota?

Como saber quantos pedágios tem na rota?

Você sabia que existem diferentes ferramentas para saber o número de pedágios em uma rota? Utilizamos algumas delas no dia a dia, inclusive! Mesmo assim, mostraremos um breve passo a passo para utilizá-las.

Site da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT)

O site da ANTT é uma ótima fonte de informações para saber a quantidade de pedágios espalhados pelo Brasil. 

Essa autarquia federal é responsável por regular as atividades de exploração da infraestrutura ferroviária e rodoviária federal. 

E como saber quantos pedágios tem na minha rota pelo site da ANTT?

  1. Entre no site da ANTT, na parte “Pedágio”;
  2. Clique na concessão referente à sua rota (Autopista Fernão Dias, CRT, Nova Dutra etc.);
  3. Confira a localização das praças de pedágio pela qual você passará (veja um exemplo da Autopista Fernão Dias).

Agora você já viu como saber quantos pedágios tem na rota pelo site da ANTT. Mas existem limitações que você deve ter percebido.

A primeira delas é que você verá informações apenas sobre as concessões federais. Então, se você não for utilizar somente essas rotas, terá que buscar informações sobre as demais concessões.

A segunda limitação é que você terá que verificar individualmente cada concessão e suas praças. Se você quer saber como ver pedágios na rota em pouco tempo, essa não é uma opção!

Google Maps

Como saber quantos pedágios tem na rota? O Google Maps é outra forma de quantificar os pedágios, mas já adiantamos: também há limitações!

De toda forma, como saber a quantidade de pedágio no Google Maps? Veja:

  1. Abra o Google Maps;
  2. Clique no ícone azul com uma seta branca para a direita (fica ao lado da caixa de texto de endereço);
  3. Coloque seu ponto de partida e de destino;
  4. O site informará se o trecho possui ou não pedágios.

Há uma promessa de que o aplicativo do Maps, em breve, mostre também o preço do pedágio, individualmente ou o valor total daquela rota.

No entanto, isso ainda não existe, e é a principal limitação se você busca como saber quantos pedágios tem na rota.

Waze

O Waze é um aplicativo disponível para Android e iOS. Como saber se tem pedágio pelo Waze? 

  1. Abra o aplicativo;
  2. Digite seu destino na caixa de texto “Para onde?”
  3. Veja o cálculo da rota proposta pelo aplicativo;
  4. Veja se há alguma particularidade na rota, como pedágio, rodízio etc.

Os dados são atualizados em tempo real por outros usuários do aplicativo. É possível, portanto, ver o que eles informam sobre o valor do pedágio.

Outra funcionalidade do app é que você pode escolher a placa do veículo, ativar a opção “Evitar pedágios” e outras opções de rota. 

Mesmo assim, não há como saber quantos pedágios tem na rota.

Roteirizador

O site da ANTT só traz concessões federais. Não há como saber quantos pedágios tem na rota Google Maps. Como saber se tem pedágio pelo Waze? O aplicativo informa se tem, mas não aponta a quantidade. 

E como saber quantos pedágios tem na minha rota? Melhor do que saber a quantidade, é conhecer o custo total do pedágio de forma rápida, certo? 

Isso pode ser feito com o roteirizador (ou planejador de rotas). Essa é uma ferramenta mais robusta e segura que automatiza o cálculo de rotas da sua frota.

Ela apresenta o custo total do pedágio na rota e o custo do pedágio de cada parada individual ou cada entrega. Mesmo sem discriminar a quantidade de praças pelas quais o veículo passa, traz a informação mais relevante.

Transportadoras e e-commerces, por exemplo, possuem grandes operações de transporte. Sem um roteirizador, não conseguiriam otimizar rotas logísticas.

Já pensou em roteirizar e planejar suas rotas manualmente com as soluções que citamos anteriormente? É inviável.

O roteirizador surgiu para resolver esse problema, contribuindo para a redução de custos do negócio e para uma operação mais eficiente.

Como calcular o custo de viagem com pedágio?

Você viu que há como saber quantos pedágios tem na rota. Porém, é preciso aprender como calcular os pedágios de uma rota para detalhar o custo da viagem.

A seguir, mostramos como calcular custo de viagem com pedágio!

Como calcular pedágio por eixo?

O caminhão utilizado no transporte de mercadorias apresenta um determinado número de eixos. Neste caso, como saber o valor de pedágio? Como calcular custo de viagem com pedágio?

Confira o número de eixos do veículo e  multiplique este número pela tarifa base. 

Em um trecho com 4 pedágios, com tarifa base de R$ 5,00, um veículo de dois eixos, pagará R$ 40,00 na rota.

Se forem 7 eixos, R$ 140,00. Quanto mais eixos, maior o valor do pedágio.

E como saber valor de pedágio?

Como saber o valor do pedágio?

Em caso de rodovias federais, a maneira mais confiável para saber o valor do pedágio é consultar na ANTT. 

Caso sua frota passe por rodovias estaduais, consulte o site do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) dos respectivos estados.

Como o valor do pedágio é calculado?

A ANTT é a autoridade responsável por definir a chamada Tarifa Básica de Pedágio (TBP).  Para calcular valor do pedágio, são consideradas a TBP, a quilometragem do trecho de cobertura e a rodovia. 

Isso porque cada concessionária pratica um valor determinado para a rodovia sob sua responsabilidade. 

Então, o calculador de pedágio retornará um valor X para a BR-101, e um valor Y para a BR-381, ambas sob concessão para empresas privadas.

Você já aprendeu como calcular os pedágios de uma rota considerando o número de eixos do veículo, certo? Então lembre-se de considerá-lo no cálculo!

E, por fim, fique atento aos reajustes das tarifas de pedágio! Ele pode acontecer para recompor a inflação, por inclusão ou exclusão de investimentos, por reprogramações de obras, etc.

O pedágio automático vale a pena para minha frota?

Você já viu como saber quantos pedágios tem na rota. Aprendeu também como calcular os pedágios de uma rota. E o pedágio automático? Vale a pena?

Antes de chegar a alguma conclusão, vamos a alguns fatos:

  • Você provavelmente já ouviu relatos de motoristas que, em horário de pico, esperaram 20 minutos nas praças de pedágio.
  • Os salários dos motoristas e os custos com combustível representam quase 60% do custo operacional por quilômetro e meio, conforme dados da Trucking Research.
  • O sistema de pedágio automático já ultrapassou metade dos pagamentos nas praças de rodovias no estado de São Paulo, conforme dados da ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo).

Diante disso, veja alguns benefícios de um sistema de pedágio automático:

  • Menor demora nas praças, melhor aproveitamento do tempo dos motoristas da sua frota (mais produtividade) e menos atraso nas entregas;
  • Mais prático e seguro, pois o motorista não precisa realizar o pagamento, o que também propicia um melhor controle de custos pelo gestor;
  • Menor consumo de combustível, pois sua frota não precisa fazer as paradas constantes, trafegando em baixa velocidade na praça de pedágio.

Porém, apesar dessas vantagens, você deve optar pelo pedágio automático se ele for vantajoso. Isso passa por analisar a frequência com que você pega a estrada.

Isso porque há taxas cobradas pelo serviço. Se você passa pelo pedágio duas vezes no mês, veja se as taxas e a mensalidade compensam. Elas podem variar de acordo com o tamanho da sua frota, além da frequência de uso do serviço.

Não se esqueça de avaliar também a cobertura das operadoras, ou seja, se a empresa atende às estradas mais utilizadas pela sua frota.

Em suma, coloque os prós e os contras na balança para definir se a cobrança automática de pedágio é vantajosa para seu negócio.

Como saber quanto o carro vai gastar de combustível?

Após aprender como calcular custo de viagem com pedágio, você precisa incluir o custo com combustível. 

Para tanto, você precisa saber a autonomia do veículo, a distância a ser percorrida e o custo médio do combustível.

Considere os quilômetros que o veículo faz por litro

A autonomia do veículo consta no manual do proprietário. Porém, é possível saber quantos quilômetros ele faz por litro por meio de um cálculo.

Espere o tanque chegar na reserva, encha-o completamente e anote a quantidade de litros abastecida. 

Na sequência, zere o odômetro no painel do veículo ou anote a quilometragem total do carro ao abastecer. Neste segundo caso, você deverá compará-la com a quilometragem atingida quando o tanque esvaziar novamente.

Depois, basta dividir a quilometragem pelo número de litros.

Exemplo: se seu veículo rodou 1500 quilômetros com 150 litros, sua autonomia é de 10 km/litro. 

Analise a distância que será percorrida

Como saber quanto o carro vai gastar de combustível? Você já calculou a autonomia do veículo. Agora, precisa saber qual será a distância percorrida.

Consulte o Google Maps, o Waze ou seu roteirizador para descobrir a distância da viagem. 

A vantagem de usar o planejador de rotas para isso é ter algumas rotas à sua disposição. Assim, você poderá escolher o melhor caminho e basear seu cálculo nele.

Imagine que seu motorista percorrerá 600 quilômetros na viagem. O caminhão possui um tanque de 150 litros. Como a autonomia do veículo é de 10km/litro. Ele precisará de 60 litros para realizar a viagem.

Com essas informações, basta avaliar o custo médio do combustível.

Avalie o custo do combustível

A última etapa para saber quanto se gasta de combustível em uma viagem depende do custo médio. Como saber quanto o carro vai gastar de combustível?

Imagine que o preço do diesel está R$ 6,60 o litro. Na viagem do nosso exemplo, seu motorista precisará de 60 litros. O custo total com combustível será de R$ 396,00.

TOTVS Planejamento de Rotas

Como saber quantos pedágios tem na rota? Como calcular custo de viagem com pedágio? Como saber quanto o carro vai gastar de combustível?

Você pode responder a essas perguntas após fazer uma série de atividades manuais, como as que apontamos até o momento. 

No entanto, se você deseja otimizar e automatizar sua roteirização, deve conhecer o TOTVS Planejamento de Rotas. 

Confira nossa apresentação de 1 minuto:

Esse sistema para planejamento de rotas otimizará sua gestão de entregas ao apontar tudo que você precisa saber sobre os caminhos da sua rota.

Distância entre os pontos, restrições logísticas, capacidade de carga, tudo isso é visível no sistema da maior empresa de tecnologia do Brasil!

Experimente grátis o TOTVS Planejamento de Rotas!

Conclusão

“Será que tem como saber quantos pedágios tem na rota?”

Agora você já sabe que sim! Existem ferramentas para você ter uma noção de que precisará separar uma rubrica em seu orçamento para o pedágio.

Mas para calcular custo de viagem com pedágio e saber a melhor rota, a melhor saída é um roteirizador. Ele contribui para um planejamento logístico mais preciso, proporcionando maior controle ao gestor.

Com maior visibilidade sobre esse custo e sua composição, o gestor poderá também avaliar se o pedágio automático vale a pena. Ótimo, não?Que tal conhecer mais sobre o que é um sistema de roteirização?

Artigos Relacionados

Deixe aqui seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.