Saiba como funciona o transporte de carga dedicada

Equipe TOTVS | 18 julho, 2022

Sabe aquele produto que não pode ser transportado com outras mercadorias? É nestes casos que o método de transporte de carga dedicada entra em ação.

Dentre as diversas modalidades disponíveis, o transporte dedicado traz exclusividade, segurança e muitos outros benefícios dentro do processo logístico, principalmente para cargas mais sensíveis.

Na prática, planejar a movimentação de mercadorias exige conhecimento sobre o funcionamento, as vantagens e as desvantagens de cada método.

Pensando nisso, vamos compartilhar ao longo deste conteúdo tudo o que você precisa saber sobre cargas dedicadas.

Continue a leitura para entender o que é o transporte dedicado, como ele funciona, quais são seus benefícios e seus pontos negativos, além de entender as diferenças em relação ao sistema fracionado. 

Aproveite o conteúdo!

O que é carga dedicada?

A carga dedicada é o nome dado à mercadoria transportada de maneira individual, sem dividir espaço com cargas de outros clientes.

Nesta modalidade, o cliente contratante tem exclusividade no transporte, mesmo que a carga ocupe apenas uma pequena parte do veículo. 

Entender a carga dedicada e seu significado faz toda a diferença no gerenciamento logístico, pois algumas mercadorias demandam essa movimentação exclusiva, como veremos ao longo deste artigo.

Como funciona o transporte de carga dedicada?

Como vimos, o transporte dedicado é um método que garante a exclusividade na locomoção de produtos.

Nele, a mercadoria de um único cliente é transportada, independente do seu volume. Ou seja, não há compartilhamento do espaço do veículo ou diferentes paradas no trajeto.

Aqui, existe apenas uma carga, transportada diretamente do armazém até o seu destino final.

Dessa forma, o atendimento pode ser totalmente personalizado de acordo com as necessidades do cliente e da carga em si. 

Essa modalidade de transporte é muito utilizada para movimentar cargas frágeis, perigosas ou emergenciais.

Além disso, também se encaixam aquelas mercadorias que não podem compartilhar espaço com outras de acordo com as regras para transporte de carga determinadas pela legislação brasileira. 

Veja alguns exemplos:

  • produtos de limpeza;
  • alimentos perecíveis;
  • produtos químicos;
  • medicamentos.
Nova call to action

Os benefícios do transporte de carga dedicada

Agora que já entendemos claramente o que é carga dedicada, é importante conhecer os benefícios dessa modalidade de transporte na prática.

Quem atua no setor logístico sabe que as operações contam com diversas etapas até a chegada do produto ao destino final. 

Conhecer os métodos de transporte é um passo fundamental para buscar a opção mais eficiente para cada carga, assim como para otimizar os serviços e reduzir os custos logísticos.

Pensando nisso, listamos as principais vantagens do transporte dedicado para a sua empresa. Confira quais são elas a seguir.

Exclusividade

A exclusividade é um dos grandes destaques na carga dedicada, mas é também uma necessidade no transporte de alguns produtos.

Seja por riscos de avarias ou de contaminação, muitas cargas precisam ser deslocadas de maneira individual. 

Produtos de limpeza não podem ser transportados junto a uma carga de alimentos perecíveis, por exemplo. 

Nestes casos, as duas mercadorias exigem a exclusividade para evitar a contaminação.

Segurança no transporte

Outro grande benefício da carga dedicada é a garantia de mais segurança no transporte, uma consequência muito positiva trazida pela exclusividade no deslocamento.

Uma vez que apenas uma carga é levada a cada viagem, os riscos de danos nas mercadorias são reduzidos drasticamente.

Principalmente para produtos mais sensíveis, esse cuidado é uma necessidade.

Isso garante que a carga mantenha-se preservada durante o trajeto e chegue intacta ao local de entrega, sem afetar a agilidade no transporte.

Vale destacar que o seguro de cargas também contribui para aumentar a proteção das mercadorias, tanto quanto a avarias como em relação a acidentes ou roubos. 

Entregas mais ágeis

Como apenas uma carga de um mesmo cliente é deslocada por meio do transporte dedicado, as entregas são muito mais rápidas.

Isso porque não é preciso aguardar a chegada de outras cargas para sair do centro de distribuição e, muitas vezes, existe apenas um destino para as entregas. 

Sendo assim, após o carregamento do veículo, o transporte acontece do centro de distribuição ou armazém diretamente para o local de entrega, sem paradas e desvios no percurso para novas coletas.

Dessa forma, é possível analisar as opções de trajetos com calma e assim escolher as rotas mais eficientes, ágeis e econômicas para cada entrega. 

Melhor custo-benefício

O custo-benefício deste tipo de transporte também é um grande diferencial, pois a modalidade une diversas vantagens a segurança e qualidade de serviço.

Tudo isso com o benefício da exclusividade, que traz maior controle sobre as etapas do transporte, otimiza o processo logístico e garante o deslocamento adequado para os produtos que necessitam dessa individualidade.

Cuidado exclusivo com cargas especiais e frágeis

Como já destacamos por aqui, algumas cargas demandam cuidados especiais e, nestes casos, o transporte de carga dedicada é o mais adequado.

Por se tratar de um método exclusivo de transporte, as mercadorias recebem todos os cuidados necessários e a preparação do veículo é especialmente pensada para cada produto.

Nestes casos, o manuseio da carga também é menor, o que reduz a exposição aos riscos de contaminação ou danos, principalmente nos materiais mais frágeis.

Isso acontece porque não há paradas para coleta de outros itens ou processos de carga e descarga ao longo do percurso, evitando a movimentação dos itens dentro do transporte.

Personalização

A exclusividade abre espaço para a possibilidade de personalização, seja do planejamento de rotas ou até do próprio veículo utilizado no transporte. 

Como o transporte será utilizado apenas por aquele cliente, é possível customizar a carroceria e inserir o logo da empresa, por exemplo. 

Além disso, a operação logística é planejada especificamente para aquela carga, o que permite maior assertividade e eficiência em todas as etapas do processo. 

Rastreabilidade

O rastreamento de produtos também é simplificado no transporte de cargas dedicadas, já que o veículo passa a atender um único cliente.

Além de usar o rastreamento veicular, é possível fazer a identificação dos itens de maneira mais prática.

Com isso, o monitoramento da carga é mais simples e muito mais eficaz, permitindo um controle maior sobre o transporte. 

O acompanhamento mais próximo também facilita a identificação de pontos de melhoria nas etapas dos processos logísticos.

Dessa forma, uma análise profunda pode ser realizada, trazendo maior assertividade na tomada de decisões e permitindo o aprimoramento para entregar ainda mais qualidade nos serviços.

Maior satisfação dos clientes

Com a exclusividade garantida e a otimização dos processos, aumenta-se a qualidade dos serviços prestados e, consequentemente, conquista-se a satisfação dos clientes.

O atendimento personalizado e todos os cuidados especiais no transporte de carga dedicada estreitam o relacionamento entre empresa e cliente, estabelecendo um vínculo de confiança.

Ao oferecer um bom serviço, você garante a fidelização desse cliente e ainda aumenta as chances de atrair novos consumidores. 

Esses passos são fundamentais para aumentar a lucratividade do seu negócio e crescer no mercado.  

E as desvantagens?

Como todas as outras modalidades de transporte, a carga dedicada também tem seus pontos negativos.

Para as transportadoras, a principal desvantagem é o custo final desse método, que pode trazer prejuízos se não for bem planejado.

Na prática, a possibilidade de transportar mais de uma carga no mesmo veículo é também uma forma de reduzir custos com viagens e garantir um lucro extra. 

Isso porque o volume da carga não interfere no valor do frete. 

Ou seja, a despesa será a mesma para um caminhão que viaja com sua capacidade total e para outro que viaja com apenas uma parte ocupada. 

O tempo utilizado para atender um mesmo cliente com aquele veículo também pode ser um ponto negativo, pois impede o uso do transporte para atender outros consumidores em caso de necessidade.

Uma forma de contornar isso é incluir o frete retorno no seu planejamento.

Contudo, vale lembrar que, no caso do transporte dedicado, essa técnica pode ser aplicada apenas para mercadorias do mesmo cliente. 

Quais veículos são usados no transporte dedicado?

O transporte dedicado realizado pelo modal rodoviário costuma utilizar os seguintes veículos:

  • carretas abertas ou fechadas;
  • caminhão truck ou truckado;
  • caminhão toco;
  • caminhão baú;
  • carroceria;
  • fiorino;
  • vans;

Apesar do deslocamento pelas rodovias ser o mais comum, existem outros modais de transportes utilizados para a movimentação dessas cargas.

Um bom exemplo disso é a utilização do transporte aéreo ou até mesmo o uso do sistema multimodal, que combina mais de um meio na mesma operação. 

O uso do modal aéreo é muito aplicado no caso de transportes de cargas consideradas emergenciais, que pedem uma entrega ágil e segura. 

É o caso de itens da área da saúde, como medicamentos e vacinas, por exemplo.

Carga dedicada e fracionada: quais as diferenças?

Enquanto a carga dedicada é exclusiva para um determinado cliente, a fracionada movimenta mercadorias variadas, atendendo a mais de um consumidor. 

Com a modalidade de carga fracionada, é possível ocupar todo o veículo e o cliente paga apenas pela parte destinada à sua mercadoria. 

Neste tipo de transporte, a viagem pode contar com paradas em diferentes destinos, por isso é importante definir um planejamento de rotas eficiente, buscando agilidade e economia de recursos.

Além disso, é preciso ficar atento aos tipos de carga a serem transportadas, pois nem todas podem dividir o mesmo espaço.

Produtos químicos ou cargas consideradas perigosas, por exemplo, precisam de cuidados específicos. Nestes casos, o uso de um caminhão dedicado é a opção mais segura. 

Antes de escolher entre carga dedicada e fracionada, considere as características das mercadorias e as vantagens de cada modalidade para definir a melhor opção de acordo com cada operação logística.

Transporte dedicado e carga de lotação: como se diferem?

É importante destacar também a diferença entre o transporte dedicado e a carga lotação, dois conceitos que ainda geram dúvidas e muitas vezes são confundidos no setor logístico.

Assim como acontece na modalidade dedicada, a carga de lotação, conhecida como carga fechada, também atende a apenas um cliente.

Contudo, no caso do transporte lotação, como o nome já revela, as mercadorias do contratante sempre ocupam todo o espaço do veículo. 

Por outro lado, na carga dedicada, como já vimos neste artigo, nem sempre a capacidade máxima de transporte é atingida. 

Ou seja: a exclusividade é garantida em ambos os casos, mas na carga lotação, o espaço do transporte é totalmente aproveitado em todas as viagens.

Como a tecnologia pode otimizar suas operações logísticas?

O gerenciamento logístico é um processo complexo, mas hoje a otimização das etapas tornou-se algo muito mais acessível graças ao avanço da tecnologia.

No caso dos transportes, os sistemas de automação são grandes aliados no aprimoramento de operações, na redução de custos e no monitoramento de indicadores de desempenho.

Com a possibilidade de automatizar processos, os erros também são reduzidos, o que aumenta a qualidade do serviço oferecido e, consequentemente, a satisfação do cliente. 

O uso da tecnologia ainda permite a coleta de dados relevantes para melhorar o planejamento das operações logísticas, começando pela definição de rotas mais econômicas e eficientes. 

TOTVS Planejamento de Rotas

Falando em aprimorar o gerenciamento logístico com o uso de tecnologias, o TOTVS Planejamento de Rotas é uma ótima opção para quem busca eficiência nos processos e custos reduzidos.

A solução tem como foco otimizar a formação de cargas. Com isso, ajuda a gerar maior ocupação dos veículos e mais cargas de lotação.

Com a funcionalidade de geolocalização, permite ainda que se crie o seu próprio banco de endereços, desenvolvendo uma base com os locais mais frequentes de entrega e de retirada. 

A ferramenta possibilita uma visão clara de todas as suas viagens, que ficam marcadas em um mapa digital com ordens de parada e todos os trajetos sugeridos pela plataforma. 

Além disso, o software ainda barateia o custo do seguro e reduz os gastos da entrega em até 30% ao indicar a rota mais eficiente. 

Tudo isso com planos para atender a empresas dos mais variados tamanhos e com diferentes necessidades. 

Garanta eficiência nas suas entregas de carga dedicada com o TOTVS Planejamento de Rotas!

Conclusão

Neste artigo, aprendemos que o transporte de carga dedicada garante exclusividade ao cliente, possibilitando um serviço personalizado, mais seguro e mais ágil.

Além disso, vimos que o método traz um cuidado maior com as cargas, tornando-o a melhor opção no transporte de mercadorias frágeis ou com risco de contaminação.

Na prática, o transporte dedicado também tem suas desvantagens, mas quando bem planejado garante a satisfação do cliente e ainda pode contribuir para o crescimento do seu negócio.

Artigos Relacionados

Deixe aqui seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.