Logística integrada: qual o objetivo e importância para empresas

Equipe TOTVS | 22 abril, 2022

A logística integrada é resultado da busca constante de novas tecnologias e metodologias de gestão para aprimorar a administração das empresas e dos setores de logística.

Além de melhorar a experiência do cliente e o relacionamento com fornecedores, esse tipo de integração representa mais agilidade, produtividade, qualidade nas operações e, claro, um dos benefícios mais almejados: a redução de custos e desperdícios.

Com o uso da logística integrada, é possível transformar a gestão de estoques, gestão de rotas e resultados da sua empresa. Neste artigo, explicamos mais sobre as vantagens!

O que é e como funciona a logística integrada?

Logística integrada é uma estratégia de gestão que utiliza a tecnologia para interligar todos os processos logísticos de uma empresa, desde a etapa de fabricação de produtos e manejo no estoque até a entrega ao cliente final.

Essa interatividade contribui para uma gestão mais eficiente e produtiva, reduzindo custos e erros ao longo da cadeia de operações no setor.

O conceito de logística integrada é bastante simples de entender, pois trata-se da junção e incorporação de diversos processos que antes eram feitos de forma isolada ou sem um compartilhamento imediato de dados e informações.

Na prática, a implementação da logística integrada exige alguns pontos de atenção, mas que são todos compensados pela quantidade de benefícios.

As vantagens, como veremos, causam impacto na rotina tanto das empresas como também de clientes e fornecedores, que poderão contar com muito mais agilidade e pontualidade nas entregas.

Exemplo de logística integrada

A logística integrada pode ser aplicada de diversas formas, um exemplo simples é o que acontece no setor de estoque. 

Para que o setor de vendas esteja ciente, em tempo real, sobre as informações sobre quantidade de produtos e quais produtos estão disponíveis, é necessário contar com uma solução integrada entre as duas equipes.

Assim, a empresa nunca ficará em desfalques, pois o setor de vendas estará acompanhando o estoque e saberá o momento certo de entrar em contato com os fornecedores.

Com essa interatividade, também é possível reunir dados relevantes para analisar indicadores de vendas e produtividade.

Outro exemplo de logística integrada é o acompanhamento de status de entregas de fornecedores e transportes da própria frota.

Dessa forma, é possível manter todos os setores atualizados e funcionando dentro do melhor desempenho.

Em resumo, quanto maior a integração logística, melhor será a comunicação empresarial.

Qual o objetivo da logística integrada?

A logística integrada existe como um processo intersetorial, que tem como objetivo interligar todos os departamentos da empresa que estejam inseridos dentro da cadeia de operações logísticas.

O intuito é que, por meio de soluções inteligentes, todos esses departamentos trabalhem de maneira mais sincronizada e dinâmica, reduzindo erros e contribuindo para a produtividade.

Em outras palavras, a logística integrada surge como uma evolução do mercado, para entender as demandas da constante evolução e crescimento do setor que fizeram as empresas se modernizarem.

Quais as vantagens da logística integrada?

A logística integrada representa as seguintes vantagens nas operações, fluxos e departamentos nos quais é aplicada:

Vantagem competitiva

Empresas com uma logística eficiente, integrada e precisa, sem dúvidas, conseguem se destacar entre os concorrentes, garantindo maior competitividade empresarial. 

Um dos resultados é poder expandir e explorar novos mercados, já que um caminho de sucesso na gestão de estoques e transportes foi alcançado.

Agilidade

A logística integrada ajuda a eliminar obstáculos e resolver problemas que possam surgir durante as operações,  tornando os processos de organização de estoque, armazenamento, entregas e gestão de frotas muito mais ágeis;

Redução de custos

Essa implementação também significa redução de custos para empresas, pois, ao conhecer com mais detalhes toda a cadeia de suprimentos, fica mais fácil tomar decisões para melhorar a gestão financeira e evitar desperdícios de insumos.

Dessa forma, é possível negociar melhores preços com fornecedores e evitar gastos excessivos na gestão de frotas, por exemplo.

Gestão eficiente de estoque

A integração tem como principal consequência mais eficiência na gestão de estoque na cadeia logística integrada

Quando os departamentos conseguem compartilhar todas as informações, é mais fácil organizar e gerir as mercadorias, evitando que os produtos ou matérias-primas para produção fiquem em falta.

Flexibilidade

Essa dinâmica de ter o acesso às informações dos departamentos a qualquer momento, com facilidade, permite que a empresa seja mais flexível e adaptável às mudanças que podem ocorrer no próprio mercado.

Boa relação com fornecedores e clientes

Com uma estrutura logística bem coordenada, os processos se tornam mais ágeis e rápidos. Por isso, uma das vantagens é conseguir ter uma relação ainda melhor com fornecedores e clientes, cumprindo prazos de entrega cada vez melhores.

Redução de riscos

Por ser, de certa forma, um tipo de planejamento sistêmico, a logística integrada também contribui para redução e prevenção de riscos no controle de estoque, processos de armazenamento e distribuição.

Além disso, diante da ocorrência de falhas, será mais fácil identificá-las e encontrar medidas corretivas.

Quais são as 3 áreas da logística integrada?

A logística integrada pode ser dividida em três tipos de áreas, sendo elas a logística inbound, outbound e industrial. Entenda as diferenças:

Logística inbound

Na logística inbound, a prioridade está no relacionamento com fornecedores e o transporte.

Por isso, é feito um controle ainda mais rigoroso do fluxo de materiais, armazenamento, aquisição e controle de qualidade do produto final.

Nessa área, a operação começa nos fornecedores e vai até a etapa de fabricação.

Logística outbound

Essa é a área responsável pelas entregas, ou seja, é a que tem contato direto com o consumidor final e com os pontos de distribuição (CDs).

Na logística outbound, é importante buscar formas de fortalecer ainda mais a relação da empresa com os clientes, para melhorar a satisfação do público final do produto e fidelizá-los.

É nessa etapa que as seguintes etapas são concluídas:

  • planejamento de rotas;
  • contratação de operadores logísticos, motoristas ou transportadoras;
  • gestão de frota;
  • monitoramento das entregas e cumprimento dos prazos;
  • planejamento de trocas ou devoluções.

Logística industrial

A logística industrial está ligada à gestão da cadeia de produção de suprimentos e distribuição, tendo como responsabilidade o  abastecimento da linha de produção, o controle e transporte dos materiais.

É por meio de uma boa logística industrial que a empresa poderá garantir o melhor tempo, custo, produto e atendimento ao cliente.

Além do gerenciamento de aquisição, movimentação, armazenagem e distribuição, essa área também tem controle de fluxo de informações e inventários, com anotação e processamento de pedidos.

Conheça os principais setores da logística integrada

Além de entender como funciona, é importante saber que a logística integrada se divide em três áreas principais: administração, movimentação e distribuição de materiais.

Administração

A administração de materiais representa todo o processo de compras de matérias-primas e fabricação, ou seja, é responsável pelo fluxo de insumos.

Faz parte da administração toda a área de aquisição, negociação, relacionamento com fornecedores, transporte, controle de qualidade e armazenamento.

Movimentação

A movimentação de materiais são todas as ações de transporte de insumos para o abastecimento da linha de produção ou deslocamento de materiais, seja para levar para armazenamento ou para embalagem.

O manejo correto contribui para aumento da produtividade e um melhor aproveitamento de espaço nos estoques.

Distribuição

Na logística integrada, a área de distribuição física envolve todo o processo de distribuição ou venda dos produtos, seja para o deslocamento até outros pontos de venda ou até o cliente final.

Melhorar esse processo é fundamental para a satisfação do cliente e dos parceiros de negócio.

Logística integrada e gestão de fornecedores: como se relacionam?

A logística integrada se relaciona com a gestão de fornecedores, especialmente, dentro da área de logística inbound, que tem como principal foco gerir o fluxo de materiais e aquisição.

Em resumo, tanto a empresa como os fornecedores ganham nessa gestão intersetorial, pois é possível estabelecer melhores prazos, preços e uma comunicação mais clara e transparente.

Como fazer uma gestão logística integrada na sua empresa?

Para fazer uma logística integrada, a empresa precisa ser capaz de rastrear, de forma automatizada, todo o ciclo de operações, desde aquisição de insumos, armazenamento, gestão de estoque, roteirização e entregas ao cliente final.

No entanto, para ter essa visão clara dos processos, é necessário contar com soluções que permitam a integração e compartilhamento de informações, como softwares de gestão, aplicativos e ferramentas de armazenamento em nuvem.

Dessa forma, será possível integrar os departamentos de forma ágil, para que o setor de vendas tenha, em tempo real, todas as informações em relação a quantidade de estoque e demanda de compras.

As empresas que utilizam o ERP, por exemplo, conseguem organizar diversos processos internos de forma interligada, compartilhando as informações com outros departamentos.

Outra solução para implementar a logística integrada é o WMS (Warehouse Management System), que melhora a performance do setor integrando os processos, do chão da fábrica até a expedição do produto.

A importância da tecnologia para implementar a logística integrada

O uso de soluções inteligentes para a logística integrada é tão importante que, sem o avanço dessas novas ferramentas, softwares e aplicações em nuvem, essa integração seria um desafio muito grande dentro da rotina das empresas.

Com o conceito de logística 4.0, que está lado a lado com a logística integrada, as empresas conseguem tornar a comunicação, o armazenamento e análise de dados um processo rápido, simples e seguro.

Além de tornar toda a cadeia de produção da empresa mais otimizada, com custos reduzidos e aumento da produtividade, a tecnologia também ajuda a deixar os processos mais organizados e transparentes para clientes e fornecedores.

Se você não sabe como começar a usar essas tecnologias nos processos logísticos da sua empresa, é importante começar aderindo a um sistema de gestão empresarial.

Atualmente, a maior parte dos negócios utilizam algum sistema de ERP, que permite integração com outras soluções, como softwares de gestão financeira, roteirização, assinaturas eletrônicas etc.

TOTVS Planejamento de Rotas

Se sua empresa deseja implementar a logística integrada, uma das opções para tornar a gestão ainda mais otimizada é contar com um sistema de roteirização, como a ferramenta TOTVS Planejamento de Rotas.

Com esse sistema, as empresas conseguem ter mais agilidade nas entregas, com redução de custos e integração com outros sistemas, já que essa solução está disponível para todos os ERPs de mercado.

Com o TOTVS Planejamento de Rotas, o sistema da maior empresa de tecnologia do Brasil, você tem:

  • análise otimizada dos pontos de entrega conforme sua seleção de pedidos;
  • agilidade para criar uma roteirização eficaz;
  • tecnologia de geolocalização, com identificador de endereços e marcação dos pontos no mapa;
  • visão clara das rotas planejadas, com possibilidade de visualizar todas as viagens marcadas em um mapa digital.

Aproveite essa ferramenta para tornar a logística integrada da sua empresa ainda mais eficiente.

Experimente grátis por 30 dias o TOTVS Planejamento de Rotas!

Nova call to action

Conclusão

Considerando um contexto em que se fala de logística 4.0, não há como ignorar a necessidade de modernizar a gestão das operações do setor. 

A logística integrada, nesse sentido, se destaca como a opção mais vantajosa para todas as empresas que precisam aumentar a produtividade, reduzir erros e custos na cadeia de gestão de suprimentos e distribuição.

Além de melhorar os resultados da empresa, esse tipo de logística torna ainda mais satisfatório o atendimento ao cliente e a relação com fornecedores.

Com uma logística mais interligada, por meio do uso de soluções tecnológicas, a empresa estará mais preparada para lidar com mudanças e tomar decisões de maior sucesso.

Se a sua empresa deseja dar o primeiro passo, conte com um sistema de roteirização e melhore os resultados da sua frota!

Artigos Relacionados

Deixe aqui seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.