Medicina do futuro: as tendências e inovações que farão parte da área da saúde

Equipe TOTVS | 09 novembro, 2021

As tendências e tecnologias da área de saúde que testemunhamos hoje, são frutos do que conhecemos como a medicina do futuro. Se você acha que a área da saúde está evoluindo, prepare-se para o que está por vir!

Hoje, as inovações médicas buscam auxiliar em processos de diagnóstico clínico, tratamento e gerenciamento de doenças dentro de uma instituição de saúde.

No entanto, a própria pandemia mostrou que é preciso mais: uma resposta mais ágil para os problemas que podem acontecer, bem como tecnologias mais eficazes para prevenir esses problemas de surgirem.

E claro, além disso, há uma necessidade latente em transformar digitalmente todas as áreas de uma instituição de saúde, da gestão do negócio ao atendimento que precisa ser mais humanizado.

Nesse conteúdo, vamos explorar um pouco mais sobre a medicina do futuro e revelar quais as principais tendências, tecnologias e inovações. Preparado? Siga a leitura!

Qual o conceito de medicina do futuro?

A medicina do futuro é um conceito extremamente amplo, mas se trata basicamente do uso de tecnologias, inclusive digitais, para revolucionar os cuidados com a saúde das pessoas, estimulando a um melhor estilo de vida, bem como desenvolvendo melhores tratamentos médicos.

Com a medicina do futuro, vamos ser capazes de revolucionar a forma como desenvolvemos e distribuímos os medicamentos, melhorando a velocidade, a eficiência e a qualidade em todas as etapas do processo: do desenvolvimento, passando pela fabricação, até a entrega.

É algo que várias empresas modernas, como as healthtechs (startups de soluções próprias para saúde e instituições hospitalares), já estão fazendo.

Medicina do futuro: tecnologias, tendências e inovações

Medicina do futuro: tecnologias, tendências e inovações

Aqui, explicamos quais as principais tecnologias, tendências e inovações estão relacionadas à medicina do futuro. Sua instituição já aplica alguma delas? Confira!

Telemedicina

A pandemia acelerou a adoção da telemedicina — seja por instituições de saúde, como por médicos e pacientes.

Para combater os efeitos da pandemia, alguns governos — inclusive o brasileiro — afrouxou a regulamentação sobre telemedicina, permitindo sua implementação.

A telemedicina é um meio inovador e extremamente flexível, bem como altamente acessível e (cada vez mais) democrático de proporcionar atendimento médico de qualidade, só que à distância.

Para isso, basta um sistema de gestão com funcionalidades para que médicos se conectem à pacientes (estes utilizando qualquer dispositivo) para realizar as teleconsultas via ligação ou videoconferência.

Inteligência artificial

A IA substitui os processos convencionais e demorados na área de saúde por soluções automatizadas e rápidas, acessíveis de maneira remota e que proporcionam diagnóstico em tempo real.

Tanto no backoffice da operação, como também na sala de cirurgia e nos momentos mais críticos do atendimento ao paciente.

Algumas das aplicações da IA na área da saúde incluem gerenciamento de fluxo de trabalho clínico, assistência cirúrgica avançada e diagnósticos médicos.

Internet das coisas (IoT) 

A IoT é fundamental para o desenvolvimento de soluções que não exigem a interação humana.

Aqui, o leque de opções se abre: o IoT pode capacitar diferentes tipos de dispositivos médicos hiperconectados.

Eles são capazes de agir na biossegurança hospitalar (como na desinfecção automática de ambientes), realizar diagnósticos inteligentes de pacientes e até mesmo gerenciar remotamente alguns pacientes.

Dispositivos wearables

Os dispositivos wearables estão se tornando cada vez mais necessários para a área da saúde.

Pacientes que exigem monitoramento constante, como diabéticos ou cardíacos, podem utilizar um dispositivo biossensor capaz de mapear os índices de saúde do paciente, bem como enviar dados direto para o responsável pelo tratamento.

Nanorrobôs na medicina do futuro

Acredite, os nanorrobôs estão se tornando cada vez mais importantes para o avanço da medicina.

São várias as aplicações, como em exames de imagem (evoluindo o uso de agentes de contraste para detectar anomalias e doenças), nanoterapia (com porções calculadas de remédios sendo aplicadas no organismo), desenvolvimento de vacinas e diagnósticos mais eficazes de doenças em estágios iniciais.

Farmacogenômica

A farmacogenômica é um ramo da farmacologia que estuda o desenvolvimento de medicamentos específicos para cada pessoa, balanceando os efeitos positivos e negativos de modo a tornar o tratamento mais eficaz e menos tóxico.

Trata-se de uma aproximação do que se chama de “medicina personalizada”, desenvolvendo terapias gênicas baseada em genes, aumentando a eficiência dos atendimentos.

Impressão em 3D de órgãos e próteses

A impressão 3D de órgãos e próteses tem alto potencial de reduzir custos e aumentar a eficiência de tratamentos e cirurgias.

Um exemplo é a impressão de próteses leves para reparo de fraturas. O uso de biomateriais leves e baratos garantem redução no tempo e na complexidade de produção, bem como reduz custos.

As tecnologias de impressão 3D estão avançando no desenvolvimento de modelos de órgãos (e mesmo ferramentas cirúrgicas específicas) para pacientes, usando imagens de alta definição do próprio paciente.

Cirurgia robótica

Robôs cirurgiões já são uma realidade — não totalmente de forma autônoma, mas participando como colaboradores no processo cirúrgico.

Porém, a tendência é que eles assumam uma posição de protagonismo graças à IA, machine learning e deep analytics.

Para você ter noção do tamanho desse mercado, estima-se que até 2023 atinja um valor de mais de US$20 bilhões, de acordo com a Asme.

Tecnologias TOTVS para Saúde

Enquanto nós sabemos que muitas das inovações da medicina do futuro ainda parecem distantes, basta pouco para sua instituição de saúde entrar de vez na transformação digital.

É justamente o que as tecnologias TOTVS desenvolvidas para saúde, podem proporcionar ao seu negócio.

Nosso ERP é uma tecnologia completa para prestadores e provedores de serviços de saúde, indo muito além do sistema de gestão convencional.

Com as tecnologias TOTVS para Saúde, sua instituição de saúde ganha maior interoperabilidade, tornando as informações mais acessíveis, independente dos setores.

Além disso, você otimiza o controle de cada operação do negócio, como dos custos, mantendo suas contas estáveis e maximizando seu crescimento.

E claro, sem contar na automação de processos, presente em várias funcionalidades do nosso sistema.

Interessou? Confira todas as tecnologias TOTVS para saúde e faça sua instituição ser referência na medicina do futuro!

Nova call to action

Conclusão

A medicina do futuro é difícil de conceituar por ser um movimento tão amplo e repleto de possibilidades.

Uma coisa é certa: independente de quais tecnologias vingarem, elas vão revolucionar o diagnóstico, tratamento e gestão de doenças, como também as instituições como as conhecemos.

Nesse sentido, apostar em soluções completas, como as tecnologias TOTVS para saúde, é um primeiro passo determinante para o sucesso do seu negócio.

E aí, gostou do nosso conteúdo? Essa foi só uma introdução ao tema que nós estamos desenvolvendo em diversos outros artigos aqui no blog. Que tal conferir um pouco mais? Preparamos uma categoria inteira com dicas, novidades e tendências sobre Gestão de Instituições de Saúde e Hospitalar!

Artigos Relacionados

Deixe aqui seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.