O que é balanced scorecard? Entenda o conceito e as vantagens

Equipe TOTVS | 08 junho, 2021

O Balanced Scorecard é um conceito e um modelo de gestão estratégica que visa direcionar os próximos passos da sua empresa, focando nos seus principais objetivos — indo além apenas da perspectiva financeira e contábil.

Ok, de início, não parece muito impressionante, certo?

Mas saiba que o Balanced Scorecard é muito utilizado em empresas de todo mundo e uma verdadeira tendência que as empresas estão adotando para tornar sua gestão mais produtiva!

Trata-se de um modelo de gestão que lhe dá mais controle e amplia sua visão sobre a estratégia corporativa adotada pela sua companhia, permitindo identificar os resultados que irão servir  de base para planejar melhorias e tomar decisões mais direcionadas.

Com isso, o Balanced Scorecard serve como uma luva no dia a dia empresarial:

Uma estratégia que alia o que sua empresa executa hoje com o que ela almeja ser amanhã.

Que tal aprender tudo sobre o Balanced Scorecard?

Vamos te explicar o que é, o objetivo, os elementos que compõe e como aplicar esse modelo de gestão em seu negócio!

Siga a leitura e expanda sua visão estratégica com o uso do Balanced Scorecard!

O que é balanced scorecard (BSC)?

Balanced Scorecard, ou BSC, é um modelo de gestão que serve para melhorar o desempenho organizacional. Ele potencializa sua visão de negócio, permitindo que a empresa se concentre em seus objetivos de maior escala.

Assim, ajuda você a escolher as métricas certas para medir e ajudá-lo a alcançar esses objetivos.

De modo mais específico, o Balanced Scorecard é como um relatório padronizado que detalha as métricas de desempenho do negócio.

Com um BSC, você tem a capacidade de medir a estratégia da sua empresa e, além disso, monitorar como você atinge os resultados.

Ou seja, em vez de avaliar o desempenho de sua empresa com base em quanta receita está gerando no curto prazo, o Balanced Scorecard o ajuda a identificar o desempenho a partir de uma visão mais equilibrada — que vá além do aspecto financeiro apenas.

Assim, é possível construir um negócio sustentável para o longo prazo.

Um estudo da Universidade Cranfield mostrou que mais de 50% das grandes empresas usam algum tipo de BSC em sua estratégia.

E como isso é feito? Partindo de 4 perspectivas corporativas diferentes, sendo elas:

  • Financeira;
  • Mercado;
  • Processos Internos;
  • Aprendizado.

Ao considerar essas 4 perspectivas e agir estrategicamente, de forma interdependente entre elas, é possível evoluir a performance do negócio de maneira eficiente. 

Como e quando surgiu o BSC?

O Balanced Scorecard surgiu em 1992, em um artigo publicado na Harvard Business Review, pelo acadêmico Robert Kaplan e pelo executivo David Norton.

Foi neste estudo que o conceito de Balanced Scorecard foi introduzido, produto de um projeto de um ano de duração que envolveu 12 empresas de alta performance.

O intuito foi justamente olhar para além das tradicionais métricas financeiras, de modo a ter um olhar mais equilibrado do nível de performance empresarial, relacionando também seus objetivos de curto e longo prazo.

Daí veio o nome “balanced scorecard”.

Ambos buscavam entender o papel que os ativos intangíveis tinham no desempenho das empresas e se eles geravam valor. A resposta foi positiva.

O BSC então surgiu como uma forma de integrar esses ativos na gestão empresarial. Daí, veio o framework tão conhecido e utilizado hoje.

Nova call to action

Qual é o objetivo do balanced scorecard?

É comum que as empresas julguem sua performance e o equilíbrio corporativo apenas com base no quanto de dinheiro ganham.

No entanto, apesar de essenciais, essa medida conta “apenas” uma história sobre a empresa: de curto prazo, imediata.

O balanced scorecard amplia essa visão, expandindo a perspectiva de avaliação de desempenho. Assim, foca tanto na estratégia de alto nível, valor e impacto, quanto nas medidas de baixo nível, rotineiras e de baixo valor.

Com isso, o BSC transforma sua visão estratégica, dividindo-a em etapas específicas e acionáveis.

Assim, considera não apenas os objetivos imediatos e de curto prazo, mas também as metas desenhadas a longo prazo.

É por isso que, estruturalmente, o BSC baseia-se tanto em indicadores de avanço e atraso.

Os indicadores de avanço são impulsionadores — aqueles que o ajudam a olhar para a frente em busca de seu objetivo — e devem ser de natureza preditiva.

Já os indicadores de atraso são resultados — aqueles que mostram o que já aconteceu — e devem confirmar suas tendências de longo prazo.

Um bom BSC tem uma combinação saudável desses dois tipos de indicadores de desempenho.

As 4 perspectivas do Balanced Scorecard

Os criadores do Balanced Scorecard descobriram que, para um negócio ser realmente equilibrado, era necessário olhar para além dos números financeiros.

A partir dessa interpretação que os 4 pilares do BSC nasceram.

Apesar de não parecer, cada um deles está interligado — o que reforça a necessidade de compor uma estratégia interdependente, onde cada ação contribua para o todo.

Conheça cada um dos pilares do BSC:

Perspectiva Financeira

Afinal, quais os objetivos financeiros que sua empresa deve atingir para satisfazer os acionistas e a diretoria?

É uma perspectiva essencial — embora não a única. No entanto, ela reflete exatamente os resultados das decisões estratégicas tomadas.

Neste pilar, os principais indicadores são:

  • ROI;
  • Ticket Médio;
  • Custo de Aquisição de Clientes

Perspectiva do Mercado

Agora, e para atingir os objetivos financeiros, como sua empresa deve atender as necessidades dos clientes:

Neste ponto, o market share, o customer experience e a satisfação do cliente são prioridades.

É necessário entender sua posição no mercado, quais seus stakeholders e os resultados que serão mais apreciados (como aquisição, retenção, up-sell e rentabilidade).

Os indicadores mais importantes neste pilar são:

  • Market share;
  • Retenção de clientes;
  • Satisfação de clientes;

Perspectiva de Processos Internos

E para atingir os objetivos de mercado, como sua empresa deve melhorar internamente?

Neste pilar, é importante focar na qualidade e no nível de inovação dos processos.

Assim, é possível direcionar as ações de melhoria, de modo que você possa otimizar a produtividade, o custo e o tempo de desenvolvimento de cada etapa das entregas.

Entre os indicadores importantes, podemos destacar:

Perspectiva de Aprendizado

Por fim, para atingir os objetivos internos, como sua empresa, seu time e você mesmo podem evoluir, crescer como profissionais e equipe e agregar valor à empresa?

Questões como satisfação e qualificação e treinamento dos funcionários devem guiar suas ações.

É preciso pensar no futuro da organização, de modo que seu time evolua à medida que a cultura organizacional amadureça e se torne essencial para o sucesso da operação.

Entre os indicadores relevantes, temos:

  • Satisfação;
  • Engajamento;
  • Treinamento;
  • Cursos e treinamentos.

Quais elementos compõem o Balanced Scorecard? 

Após compreender as perspectivas por trás do Balanced Scorecard, vamos explorar os elementos que devem ser definidos para cada uma delas.

São conceitos intrínseco à aplicação do BSC, por isso, é essencial entendê-los. Veja só:

Mapa estratégico

Trata-se da representação gráfica do Balanced Scorecard, simplificando o acompanhamento e também permitindo mudanças e melhorias mais rápidas no planejamento.

O mapa estratégico deve conter as 4 perspectivas do BSC, com seus objetivos principais definidos.

Existem diferentes formas de aplicar esse mapa estratégico, como para visualizar a relação de causa e efeito entre cada objetivo e perspectiva.

Você pode utilizar o mapa também para relacionar as métricas (e não os objetivos finais) e como eles influenciam nas perspectivas em si.

Objetivo estratégico

Para cada perspectiva do BSC, você deve definir um objetivo estratégico que visa servir de rumo para sua empresa.

Você pode escolher mais de um objetivo, mas tente não utilizar muitos pois isso pode tornar sua estratégia ainda mais complexa.

Outro ponto importante é que sua escolha pelos objetivos estratégicos seja guiada pela relação de causa e efeito entre eles.

Ou seja, eles devem conversar entre si e impactar uns aos outros.

Indicador

E como medir o andamento em relação aos objetivos estratégicos? Bom, nesse caso, você deve definir os KPIs — indicadores-chave de desempenho.

Mencionamos alguns deles anteriormente, ao explicar os 4 pilares do Balanced Scorecard, lembra?

Eles vão servir para ajudar na medição do seu avanço ou recuo em relação aos objetivos, possibilitando uma análise mais aprofundada de cada perspectiva e objetivo.

Meta

Agora, até onde seus indicadores devem apontar para que você saiba o que é “bom”, o que é “ruim” e o que é “excelente”?

Para isso, você também deverá estabelecer metas para os indicadores.

A grande dúvida é: como? Bom, você pode se aproveitar de algumas metodologias para isso, como os objetivos SMART.

O importante é definir metas desafiadoras: ou seja, ambiciosas, mas ainda assim possíveis de serem alcançadas.

Planos de ação

Por fim, é necessário desenhar um plano de ação para colocar o BSC em prática. Isso vai depender do framework utilizado. 

Uma das maneiras de aplicar seu plano de ação é com uma gestão aproximada do Balanced Scorecard.

Assim, utiliza-se de feedbacks contínuos das operações em andamentos, de modo a efetuar melhorias no processo enquanto eles são executados.

Por que utilizar a metodologia Balanced Scorecard em seu negócio?

O BSC é capaz de reunir todos os elementos das diferentes táticas de sua empresa em um único relatório.

Assim, como todas as métricas operacionais estão em um só lugar, é possível analisar a evolução, os esforços e as decisões por trás de cada resultado — seja ele positivo ou negativo.

Ainda assim, o Balanced Scorecard tem muito mais a contribuir para o seu negócio do que simplesmente ampliar sua visão estratégica.

Na verdade, de acordo com a pesquisa “2GC Balanced Scorecard Usage”, mais de 42% das empresas que utilizam o BSC reportaram que o modelo é “muito útil” na otimização da gestão.

Abaixo, destrinchamos alguns dos principais benefícios do modelo de gestão:

Análise do desempenho do negócio

O Balanced Scorecard proporciona uma base fidedigna e centralizada de informações sobre o desempenho do negócio. Com isso, você analisa o todo, em vez de pequenas partes ou silos.

Assim, é mais fácil planejar as melhorias e também identificar o desempenho da empresa em relação aos seus objetivos principais, de longo prazo.

Mais transparência 

Com um framework tão expansivo, é possível ampliar a visão estratégica sobre os processos.

Assim, você não apenas mapeia resultados, mas os processos e decisões que os levaram a eles.

É um nível de transparência realmente abrangente, que contribui para um melhor planejamento, com ações mais assertivas de melhoria.

Melhoria contínua

O Balanced Scorecard fornece à administração uma visão valiosa do serviço e da qualidade de sua empresa, além de seu histórico financeiro.

Ao medir todas essas métricas, os gestores podem entender exatamente como treinar funcionários, oferecendo-lhes suporte.

Assim, é possível estimular a melhoria contínua, de modo que a empresa cumpra seus objetivos futuros.

Otimização dos resultados

Outro benefício importante é como o BSC ajuda as empresas a reduzir sua dependência de ineficiências em seus processos, o que otimiza os resultados.

Assim, é possível mapear processos que reduziam a produtividade e elevavam custos, de modo que a empresa possa reformulá-los para uma operação mais adequada e eficiente, o que impacta diretamente em suas receitas.

Tomadas de decisões mais efetivas

Por fim, o Balanced Scorecard permite que você aprimore toda etapa de tomada de decisões.

Com maior controle sobre os processos e métricas, fica mais fácil saber o que pode ser realmente impactante para cada pilar do negócio.

Assim, sem perder tempo, nem dinheiro ou tempo de trabalho, você otimiza a operação de modo que alcance os objetivos de maneira mais eficiente.

Como um sistema de gestão pode ajudar a implementar o Balanced Scorecard?

O Balanced Scorecard permite que as empresas avaliem seu capital intelectual junto com seus dados financeiros para discriminar sucessos e fracassos em seus processos internos.

A base para que o Balanced Scorecard funcione é algo simples de entender: a compilação de dados.

Eles precisam, no entanto, ser atualizados, precisos e assertivos.

Desse modo, é possível identificar ineficiências, elaborar planos de melhoria e comunicar metas e prioridades a seus funcionários e outras partes interessadas.

Tudo isso pode ser potencializado com um sistema que ajude você a implementar o Balanced Scorecard!

A automatização faz parte desse processo, já que ele integra os setores em sua espinha dorsal administrativa, o que possibilita a aplicação de melhorias de maneira ampla e uniforme.

Outro ponto é que há sistemas realmente completos, que não apenas apoiam na criação, acompanhamento e manutenção do BSC, mas no mapeamento estratégico de processos.

Desse modo, você conquista um diferencial a mais no modelo de gestão eficiente que sempre buscou.

Entre os módulos que podem contribuir, destaca-se o BI ou Business Intelligence.

A partir desse recurso, é possível não apenas coletar dados para incrementar seus scorecards, mas ativamente analisá-los.

É uma forma de aliar informações e insights qualitativos a um modelo de gestão que pende para o lado mais quantitativo da operação, enriquecendo sua tomada de decisão!

Vantagens de implementar um sistema de gestão para aplicar o Balanced Scorecard?

Com um sistema de gestão completo, você pode implementar o Balanced Scorecard em sua empresa, de modo que otimize os processos rapidamente.

Entre as principais vantagens de utilizar a tecnologia nesse processo, destaca-se o poder de análise e integração que um sistema do tipo proporciona.

Assim, é possível não apenas utilizar o BSC de modo de ampliar seu entendimento macro e micro da estrutura operacional e do andamento dos processos, mas efetivamente tirar insights de cada ação realizada.

Afinal, os dados fluem de maneira automática e integrada. Desse modo, é possível descobrir ineficiências e pontos de melhoria com uma exatidão antes impensável.

ERP da TOTVS

O ERP da TOTVS é a escolha perfeita para fazer sua empresa funcionar, crescer e conquistar os melhores resultados.

Com ele, você tem em mãos o backoffice completo do seu negócio e ainda automatiza processos gerenciais e torna a administração mais fluida, eficiente e movida por dados.

Dessa maneira, é possível padronizar processos, centralizar os dados e analisar os impactos de cada ação operacional nos resultados imediatos e nos objetivos a longo prazo.

 Não restam dúvidas de que o ERP da TOTVS é ideal para implementar o Balanced Scorecard na sua operação, servindo como ferramenta para otimizar  os processos corporativos e dar mais autonomia no controle de informações da sua empresa.

Assim, com uso da solução da TOTVS, você conquista todos os objetivos nos 4 pilares do BSC e torna sua gestão mais flexível, alinhada com as necessidades atuais.

Quer aprender mais sobre a solução? Conheça tudo sobre o ERP da TOTVS!

Nova call to action

Conclusão 

Pode até parecer um pouco confuso no início, mas o Balanced Scorecard não é tão complicado. Trata-se de uma maneira de olhar para sua organização com foco em seus objetivos estratégicos.

Neste conteúdo, te ensinamos tudo sobre esse método de gestão corporativa e como ele pode ser determinante para o crescimento do seu negócio.

Além disso, apresentamos alguns dos benefícios de adotar esse modelo e ainda explicamos o impacto da tecnologia em sua implementação.

E agora, pronto para experimentar o Balanced Scorecard em sua operação? Não se esqueça que um sistema de gestão pode tornar os resultados ainda melhores!

E se você tiver qualquer dúvida sobre o assunto, fique à vontade para comentar aqui embaixo.

Em nosso blog, continuamos a escrever sobre modelos de gestão, ferramentas, dicas e tendências para aplicar em sua organização. Continue lendo nossos conteúdos!

Artigos Relacionados

Deixe aqui seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.