Negócios digitais: o que são e 13 opções para investir

Equipe TOTVS | 23 novembro, 2022

Você já ouviu falar em negócios digitais? Provavelmente, sua empresa está inserida neste universo mesmo sem perceber.

Sabe o e-commerce que você implementou para ampliar suas vendas de produtos? É um dos tipos de empreendimento digital mais conhecidos, assim como os marketplaces.

Considerando que 81% da população brasileira acessou a internet em 2021, segundo a pesquisa TIC Domicílios, muitos gestores passaram a cogitar a expansão dos negócios por meio da internet.

Por isso, vamos entender melhor o que são os negócios digitais? Neste artigo, abordamos, além do conceito, o funcionamento, as características, as vantagens e os tipos deste modelo de empreendimento.

Vamos lá?

O que são os negócios digitais? Como eles funcionam?

Negócios digitais são aqueles realizados exclusivamente pela internet, que criam oportunidades de negócios e novas cadeias de valores que organizações tradicionais não podem oferecer.

Isso significa que todo o processo de criação, divulgação, execução e vendas de produtos ou serviços é feito online.  Ou seja, é uma forma diferente de fazer as coisas, utilizando tecnologia para impulsionar o negócio.

Este tipo de empreendimento é uma ótima opção para quem quer investir em um novo negócio ou para quem quer expandir seus horizontes empresariais.

E por quê? Na pesquisa TIC Domicílios, temos alguns dados muito interessantes:

  • O acesso à internet na zona rural cresceu de 53% para 73% em 2021;
  • Quase metade dos usuários (46%) compraram serviços e produtos pela internet;
  • Pessoas entre 16 e 24 anos são a faixa etária mais conectada, o que indica que os futuros consumidores já estão inseridos neste ambiente.

Esses dados mostram que esse modelo de negócios tem grandes chances de sucesso, pois atende a uma demanda cada vez maior.

E quais são as características dos negócios digitais?

Nova call to action

As principais características dos negócios digitais

Antes de pensar em como abrir um negócio digital, o empresário precisa conhecer as características destes modelos de empreendimentos. São elas:

  • Oferecem grande flexibilidade de horários;
  • Podem ser escaláveis, ou seja, crescer conforme aumenta a demanda;
  • São modelos de negócios que colocam o cliente no centro da estratégia digital;
  • Não requerem grandes investimentos iniciais, pois não dependem de uma infraestrutura e de tantos profissionais;
  • Focam nas vantagens competitivas que a tecnologia oferece para criar novos valores e experiências que os diferenciam no mercado;
  • Podem ser realizados de qualquer lugar do mundo, como o home office, desde que você tenha acesso à internet (mobilidade e conectividade);
  • Tem como premissa a atualização constante sobre seu mercado, com pesquisa de concorrência, experiências e necessidades do consumidor, dentre outros dados;
  • Apresenta algumas qualidades indispensáveis para a condução da empresa, como gestão inteligente, boa conectividade, atualização constante dos sistemas e marketing digital.
  • Tem a inovação como pilar das estratégias de negócio para reunir dados, reduzir custos e melhorar a experiência do cliente, incorporando assim o conceito de transformação digital.

Se você ainda está em dúvida sobre começar um negócio digital, precisa conhecer também as vantagens deste modelo.

Quais são as vantagens de investir em negócios digitais?

Algumas características desses modelos de negócios já se traduzem como suas vantagens, como é o caso da escalabilidade do negócio.

No entanto, investir em um destes empreendimentos pode trazer outros benefícios, como:

  • Possibilidade de atingir um mercado global: não existem barreiras geográficas para os diversos tipos de empreendimentos digitais.
  • Inovação constante: um negócio que é baseado em tecnologia e que adota os conceitos da transformação digital deve se inovar constantemente.
  • Flexibilidade de horários: não existe um horário definido para vender produtos e serviços, pois os clientes podem fazer as compras quando quiserem.
  • Redução de custos operacionais: seja na implementação ou na condução do negócio, os custos com pessoal e infraestrutura física e de TI, por exemplo, são menores do que em negócios tradicionais.
  • Maior facilidade em mensurar o negócio: é possível extrair com facilidade insights valiosos a partir da coleta de dados e avaliar os indicadores e métricas do negócio para aprimorar os processos e resultados.
  • Maior agilidade nas decisões e na execução das ações: como resultado da facilidade em mensurar o negócio, o gestor terá dados fundamentados para tomar melhores decisões e propor ações de melhorias em seu empreendimento.

Entendeu o que são os negócios digitais? Suas características e vantagens apontam para uma grande oportunidade de mercado, certo?

Se você pretende aproveitá-la, deve se perguntar agora: quais são os negócios digitais?

Quais são os tipos e possibilidades de negócios digitais atualmente?

Muitos empresários buscam por novas ideias de negócios digitais para aumentar seu faturamento. A seguir, apresentamos 13 tipos deste modelo de empreendimento para você considerar.

1. E-commerce

Está em busca de negócios digitais lucrativos? O e-commerce é uma das modalidades mais conhecidas, pois a empresa disponibiliza um site para comercializar produtos e/ou serviços.

Um levantamento da Neotrust apontou que o e-commerce brasileiro faturou R $161 bilhões em 2021, um crescimento de 27%. Na visão da empresa, o varejo online apresenta tendência de crescimento.

É um negócio interessante devido à possibilidade de atingir um grande número de pessoas, uma vez que o site fica disponível 24 horas por dia.

Para ter sucesso ao vender online, é preciso investir em um bom design e na otimização do site para que ele seja bem ranqueado nas buscas.

2. Marketplaces

O marketplace é uma plataforma online em que vários lojistas oferecem seus produtos e/ou serviços para venda. Ou seja, ela conecta vendedores e clientes. Um bom exemplo é a gigante Amazon.

Apesar da semelhança com o e-commerce, são tipos de negócios digitais diferentes.

O marketplace é uma espécie de shopping virtual com várias lojas e ganha uma comissão sobre as vendas realizadas. O e-commerce é a loja virtual própria de uma empresa.

Assim, no marketplace, cada lojista fica responsável pelo seu estoque e pela entrega dos produtos.

A vantagem deste modelo é o grande alcance de potenciais clientes, uma vez que a plataforma já tem um bom nível de visitação.

3. Vendas pelas redes sociais

As redes sociais são um ótimo canal para a venda de produtos e/ou serviços. Isso porque elas permitem que o empreendedor crie uma relação próxima com seus clientes, além de facilitar a divulgação do negócio.

O chamado social commerce pode ser utilizado por diversos perfis de empreendedores, desde o iniciante até aquele que já possui o próprio e-commerce e deseja ampliar o alcance da marca.

4. Dropshipping

O dropshipping é um modelo de negócio no qual o vendedor não precisa ter estoque dos produtos que comercializa. Ele é apenas um intermediário da venda, fazendo a ligação entre o cliente e o fornecedor.

Após a confirmação da compra pelo cliente, o fornecedor será responsável pelo envio do produto para o endereço informado.

A vantagem do dropshipping para o empreendedor é não precisar investir em estoque, o que reduz os custos operacionais do negócio. 

5. Infoprodutos

Os infoprodutos são produtos digitais que podem ser baixados na internet, como e-books, apostilas, webinars, vídeos etc.

Eles são uma ótima opção para quem quer trabalhar com outras ideias de negócios digitais, uma vez que não há custos com estoque e a divulgação do produto pode ser feita de forma online.

Para ter sucesso na venda de infoprodutos, é importante investir em conteúdos relevantes e de qualidade, além de traçar uma boa estratégia de marketing digital.

6. Canal no YouTube

Criar um canal no YouTube é uma ótima opção para quem busca modelos de negócios digitais. Isso porque este tipo de conteúdo é cada vez mais procurado na internet e pode gerar uma boa renda para o empreendedor.

De acordo com a pesquisa “Reuters Institute Digital News Report“, o YouTube é a principal rede social de notícias e informações do Brasil. Dos entrevistados, 43% afirmaram que utilizam a rede para visualizar informações jornalísticas.

Um canal bem estruturado, com conteúdos relevantes, pode ajudar na conversão das vendas e trazer um lucro interessante para o empreendedor.

7. Programa de afiliados

O programa de afiliados consiste em promover produtos e/ou serviços de outras empresas em troca de comissões por cada venda realizada.

Para ter sucesso neste tipo de negócio, é importante escolher os produtos e/ou serviços que serão promovidos com cuidado. Afinal, você não quer associar sua marca a empresas que não combinam com os valores e a missão da sua organização.

8. Aulas online

As aulas online permitem que o empreendedor alcance um grande número de pessoas na transmissão de seu know-how sobre determinado tema.

Muitos negócios trabalham com educação e tem a possibilidade do ensino a distância, como é o caso das escolas de idiomas.

Portanto, para ter um negócio, basta estruturar os planos de aula, ter boa conexão com a internet e uma plataforma de videoconferência. 

9. Produção de conteúdo

A produção de conteúdo de qualidade se tornou um dos tipos de negócios digitais lucrativos nos últimos anos. Determinados segmentos podem aproveitar esse recursos para atrair leads e conduzi-los pela jornada de compra.

Este mercado consegue abranger finalidades distintas, como educação e entretenimento, em diversas possibilidades de configuração, como blogs, vídeos e podcasts.

10. Programa de assinatura

Os programas de assinatura são ideias de negócios digitais recentes, e exemplos no mercado não faltam. Plataformas de streaming de vídeo e música fazem muito sucesso entre os consumidores, por exemplo.

Mas este modelo de empreendimento aborda muitos segmentos, como jornais e revistas. 

O associado realiza pagamentos mensais para ter acesso a diversos conteúdos, infoprodutos ou áreas de conhecimento.

11. Software as a Service (SaaS)

O Software as a Service (SaaS) é um tipo de programa baseado no desenvolvimento e na oferta de softwares como um serviço. O cliente faz o pagamento recorrente para utilizar uma solução.

As soluções da TOTVS e o Google Workspace são bons exemplos. As empresas fazem o pagamento mensal e podem utilizar uma série de ferramentas e recursos para aprimorar o trabalho de suas equipes.

12. Desenvolvimento de apps

A demanda por mobilidade fez com que o desenvolvimento de apps se tornasse um dos tipos de negócios digitais lucrativos. Muitas startups atuam a partir de seus próprios aplicativos, mas isso vem sendo adotado inclusive por empresas já consolidadas.

Na última pesquisa feita pela Opinion Box, dados apontam que 60% dos usuários já fizeram compras de produtos ou serviços dentro de um aplicativo no smartphone. É ou não é uma boa oportunidade?

13. Marketing digital e tráfego pago

O marketing digital é uma vertente do marketing que tem como principal objetivo atrair o público para sites e blogs, utilizando diversas técnicas, como o inbound marketing.

Já a gestão de tráfego pago tem como função criar anúncios que tragam resultados e conversões para o cliente.

Empreendedores com conhecimento sobre marketing digital e tráfego pago podem começar um negócio neste segmento, oferecendo esse serviço para outras empresas.

Agora que você já viu quais são os negócios digitais, é importante compreender o perfil do empreendedor digital para desenvolver habilidades que favoreçam o sucesso do seu negócio.

Como deve ser o perfil do empreendedor digital?

O empreendedorismo digital é uma área que exige criatividade, inovação e proatividade. Por isso, para ter sucesso, o empreendedor deve ser capaz de pensar fora da caixa, criar soluções disruptivas e inovadoras.

Veja a seguir algumas características desejáveis para um empreendedor digital:

  • Iniciativa: é a predisposição para agir, baseado em conhecimento prévio e identificação de oportunidades;
  • Liderança: é a capacidade de inspirar equipes e conduzi-las com clareza para um objetivo comum.;
  • Perseverança: os erros e fracassos de um empreendimento digital devem servir como aprendizado para novas tentativas;
  • Dinamismo: é ter um perfil dinâmico para tomar decisões rapidamente e de acordo com as novidades de um mercado tão volátil;
  • Organização: A organização é a peça-chave para fazer uma boa gestão de tempo e prioridades, e executar as ações planejadas para este modelo de negócio.

Consegue perceber que, para ter um perfil completo de empreendedor digital, você precisa desenvolver suas habilidades de liderança, gerenciamento de equipes e gestão de projetos?

Com essas características, você dá um passo para abrir um empreendimento digital.

Como abrir um negócio digital?

Para começar um negócio digital, o empreendedor precisa, em primeiro lugar, escolher o modelo de negócio que melhor se adequa às suas aptidões e à sua empresa. 

É importante, também, estar atento às tendências do mercado e investir em inovação e em marketing digital. Confira a seguir algumas dicas para começar um negócio digital:

  1. Conheça seu público e seu mercado para entender as necessidades que você pode atender e traçar estratégias com potencial de bom retorno sobre o investimento;
  2. Tenha um site estruturado com boas ferramentas e que seja otimizado para a experiência do cliente
  3. Mantenha-se em dia com a legislação do seu empreendimento digital;
  4. Invista em marketing digital para ampliar o alcance de sua marca e desenvolver a comunicação e o relacionamento entre sua empresa e clientes atuais e potenciais;
  5. Monitore os dados e indicadores para avaliar a performance do seu negócio, identificando pontos de melhorias;
  6. Invista em soluções tecnológicas que trazem retorno para seus fluxos de trabalho e para seus clientes.

Ferramentas úteis para negócios digitais

Os negócios digitais envolvem criação, divulgação, execução e vendas de serviços ou produtos de forma exclusivamente online, certo?

Portanto, é preciso ter ferramentas que possibilitem a execução dos processos internos e a conexão com potenciais clientes. Veja a seguir algumas opções:

Negócio digital: perspectivas futuras para o setor

A transformação digital vem ocorrendo há alguns anos, mas é um processo contínuo. Por isso, a tecnologia continuará promovendo mudanças significativas na forma como as empresas atuam.

Mesmo os empreendimentos mais tradicionais e consolidados precisarão se adequar às novas demandas por inovação em seus processos industriais e comerciais

Afinal, o foco passou a ser o cliente, e colocá-lo no centro do negócio é uma necessidade, e não uma opção.

Diante de tantas possibilidades de mudanças nos negócios, os empreendedores devem se atentar para as ferramentas que podem proporcionar mais benefícios aos resultados da empresa.

Ter uma cultura orientada à inovação é saber exatamente como essas novas soluções podem contribuir para os processos de trabalho e para a relação com o cliente.

E uma dessas ferramentas é a TOTVS Assinatura Eletrônica.

Conte com a solução TOTVS Assinatura Eletrônica

A TOTVS é uma empresa brasileira de tecnologia que oferece soluções para o mercado corporativo, como ERP, CRM, serviço de cloud, entre outras.

Para simplificar a burocracia de seu empreendimento digital, você precisará de ferramentas que simplificam o fluxo das informações neste ambiente, bem como os contratos empresariais, certo?

Essa é a proposta da TOTVS Assinatura Eletrônica: ser uma solução completa para a realização de assinaturas eletrônicas, facilitando o processo de assinatura de documentos, contratos com fornecedores, processos de admissão etc.

Com ela, você pode gerenciar todos os seus processos de negócio em um só lugar, com segurança e agilidade.

Por meio de uma interface intuitiva e fácil de usar, você pode acessar suas assinaturas em qualquer lugar e a qualquer hora com total segurança.

Com a TOTVS Assinatura Eletrônica, você tem tudo o que precisa para gerenciar seus negócios digitais de forma eficiente e segura.

Conheça a ferramenta e faça um teste gratuito para ver como ela pode ajudar o seu negócio!

Conclusão

Os negócios digitais são uma ótima opção para quem quer iniciar um novo empreendimento ou modernizar um já existente.

Eles apresentam diversas vantagens, como baixo investimento inicial, amplo alcance e possibilidade de crescimento exponencial.

Para ter sucesso nesse tipo de negócio, é preciso investir em uma boa estrutura de sites e boas soluções tecnológicas para aprimorar os fluxos de trabalho, como o processo de assinatura eletrônica.

A TOTVS Assinatura Eletrônica é uma solução completa para a gestão desses processos, oferecendo segurança e agilidade na execução dos negócios digitais. Veja como fazer um contrato com assinatura digital!

Artigos Relacionados

Deixe aqui seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Usamos cookies para fornecer os recursos e serviços oferecidos em nosso site para melhorar a experência do usuário. Ao continuar navegando neste site, você concorda com o uso destes cookies. Leia nossa Política de Cookies para saber mais.